Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Do bangue-bangue ao big-bang

Por Da Redação Atualizado em 31 out 2016, 19h03 - Publicado em 22 jan 2011, 22h00

Fabio Marton

Bangue-Bangue

Esse gênero de filmes retrata, de forma meio exagerada, as agruras da colonização do oeste americano. Marcada por conflitos com os nativos e dificuldade em estabelecer a lei, a aventura começou em 1804, quando o presidente Thomas Jefferson (1743-1826) comprou dos franceses o meio-oeste americano. Nesse território, estava a chamada Porta do Oeste, onde fica o atual estado do…

Missouri

Situado à margem oeste do rio Mississippi, o estado já tinha universidade, banco e telégrafo quando a corrida do ouro começou. Ele marcava a fronteira onde acabava a civilização e começava o oeste selvagem. No pacato Missouri fica a minúscula cidade de Marshfield, com menos de 6 mil habitantes. Em 1889, a cidadezinha viu nascer seu mais ilustre filho, o astrônomo…

Continua após a publicidade


Edwin Hubble

Hubble, cujo nome batiza um telescópio da Nasa, trabalhou como técnico de basquete, professor secundarista e militar antes de se estabelecer como astrônomo, em 1919, trabalhando no então maior telescópio do mundo, o Hooker, em Los Angeles. Em 1º de janeiro de 1925, ele publicou um estudo revolucionário com suas observações. Tratava-se da existência das…


Galáxias

Até a descoberta delas, acreditava-se que o Universo inteiro resumia-se à nossa galáxia, a Via Láctea. Hubble observou que algumas nebulosas estavam longe demais, e portanto não faziam parte da Via Láctea – e sim de outras galáxias. Ele continuou suas pesquisas e, em 1929, ao estudar a cor das galáxias, provou que elas estavam se afastando de nós. Era o primeiro indício do…


Big-Bang

Como as galáxias estão se afastando umas das outras, deduz-se que elas um dia estiveram juntas, num ponto minúsculo com toda a matéria e energia do Universo. Esse ponto explodiu num “bang grandão”, como a teoria foi chamada pelo astrônomo Fred Hoyle, que não acreditava nela e quis usar um termo pejorativo. Assim como quem batizou o cinema faroeste de “bangue-bangue”.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Transforme sua curiosidade em conhecimento. Assine a Super e continue lendo

Impressa + Digital

Plano completo da Super. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da SUPER, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Receba mensalmente a SUPER impressa mais acesso imediato às edições digitais no App SUPER, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

App SUPER para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)