GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Escolhas: O senhor do Anel, O novo Hawking e muito mais

Felipe Van Deursen, Luiza Sahd e Marcella Chartier

1. O senhor do anel

A DC Comics voltou ao cinema. Adaptação da HQ homônima, Lanterna Verde conta a história de Hal Jordan (Ryan Reynolds), o primeiro humano a integrar a Tropa dos Lanternas Verdes, entidade protetora da paz, da justiça e de tudo mais no universo. Posto à prova, ele usa o anel dos Lanternas Verdes para defender a Terra do inimigo Paralaxx. Para as cenas de voo, a atriz Blake Lively teve aulas com coreógrafos do Cirque du Soleil. E o uniforme do herói, assim como o planeta Oa, foi todo feito digitalmente.

Lanterna Verde, Estreia: 19/8

2. O novo do Hawking

Um livro que promete na capa “novas respostas para as questões definitivas da vida”. E não entrega. Mas vale a leitura, pelas explicações da ciência moderna – como a teoria da relatividade e a das cordas. Mas principalmente pela forma sucinta com que explica o tema mais complexo deste e de qualquer outro livro dessa linha: a física quântica. Mérito do coautor Mlodinow (do best-seller O Andar do Bêbado) – um físico mais talentoso que Hawking na hora de traduzir física teórica em palavras.

O Grande Projeto, Stephen Hawking e Leonard Mlodinow, Nova Fronteira, 192 págs., R$ 69,90

3. Ilusões perdidas

Vencedor da Palma de Ouro do Festival de Cannes, A Árvore da Vida conta a história de Jack (Sean Penn), primogênito de uma típica família americana dos anos 50. A partir da morte do irmão, ele se torna uma pessoa desiludida da vida. O Coringa Heath Ledger viveria o pai severo (Brad Pitt). Pena que ele morreu em 2008.

A Árvore da Vida, Estreia: 12/8

4. Guerrilheiro da verdade

Não quer trabalhar? Diga a seu chefe. Acha a irmã da sua mulher gostosa? Conte a ela. Por mais que você não seja um grande mentiroso, provavelmente mentiria nessas duas situações – ou omitiria sua opinião. O jornalista alemão Jürgen Schmieder garante que viveu sinceramente por 40 dias. A experiência virou um livro. As semanas como “guerrilheiro da verdade”, como ele se definiu, quase lhe renderam o fim de uma longa amizade e deixaram sua esposa um tanto furiosa.

Sincero Jürgen Schmieder, Verus, 292 págs., R$ 29,90

5. Mesa-redonda Cabeça

O poeta e jornalista Lauro Henriques Jr. entrevistou grandes nomes da espiritualidade no Brasil e no mundo contemporâneo. O resultado é uma obra em 2 volumes que reúne a essência da sabedoria de cada autor. Leonard Orr, pioneiro do movimento da Nova Era, conta como a respiração consciente ajuda na liberação da chamada poluição emocional. E a surpresa fica por conta de uma mesa-redonda em que os autores, de Yehuda Berg (judaísmo) a Susan Miller (astrologia), trocam perguntas e respostas.

Palavras de Poder (2 Volumes) Lauro Henriques Jr., Leya, R$ 29,90 (cada um)

6. “Anti-Avatar”

Muitos mistérios cercaram a produção de Super 8, filme de J.J. Abrams (criador de Lost) com produção de Steven Spielberg. Chegou-se até a especular que seria uma continuação de Cloverfield. Felizmente, não é nada disso. A história se passa em 1979 e conta a aventura de jovens que flagram um acidente de trem com uma câmera Super-8. A partir de então, acontecimentos inexplicáveis assustam a comunidade. O longa tem orçamento baixo em se tratando de Abrams e Spielberg: entre US$ 50 e 75 milhões. O diretor chegou a dizer que, por isso, o filme é uma espécie de “anti-Avatar”, o filme mais caro da história.

Super 8, Estreia: 12/8

7. Punkonomics

O que Homer Simpson, a crise de 1929, tulipas holandesas e a especulação imobiliária têm em comum? Homer refinanciou sua casa, coisa que vários americanos fizeram de fato. Esse tipo de atitude desembocou na febre imobiliária dos EUA, e tudo acabaria na maior crise econômica desde a de 1929 – roteiro idêntico ao da Mania das Tulipas, que quebrou a Holanda no século 17. Alexandre Versignassi, editor da SUPER, usa casos como esses para explicar a história da economia. Sem economiquês.

Crash, Alexandre Versignassi, Leya, 320 págs., R$ 39,90

8. A era do gelo fora do cinema

Réplicas em tamanho real de alguns dos bichos mais emblemáticos da era do gelo chegam ao Brasil. A exposição reconstitui animais como mamute e moa, enorme ave que botava ovos de 24 cm. A mostra seguirá para Rio, Belo Horizonte, Curitiba, Porto Alegre e Ribeirão Preto (SP).

Os Gigantes da Era do Gelo, Shopping Anália Franco, São Paulo, entre 10/8 e 11/9