Clique e assine a partir de 8,90/mês

Games: Largue do joystick!

Por Da Redação - Atualizado em 31 out 2016, 18h48 - Publicado em 31 dez 2004, 22h00

Nelson Alves Jr.

Nada de controles que tremem ou alavancas com milhares de opções. Para fugir da mesmice, a nova safra de games está transformando o jogo numa experiência sensorial com câmeras que captam movimentos, microfones e até bongôs. A habilidade nesse caso não está no domínio de botões e movimentos complexos, mas na coordenação motora e vocal. É o corpo no comando.

O mais exaustivo

PS2 – Sony Computer

Entertainment Europe – R$ 135

Continua após a publicidade

http://www.eyetoy.com

O funcionamento é simples: a cerca de 3 metros da televisão, o jogador agita as mãos diante de uma câmera que transforma os movimentos em comandos. Os desafios vão de embaixadas com bola de futebol à limpeza de janelas, passando pelo boxe. O resultado é exaustivo para quem joga e hilário para quem assiste.

O mais musical

PS2/Xbox – Karaoke Revolution

Harmonix – R$ 165 (jogo + microfone)

Continua após a publicidade

http://www.konami.com/karaokexbox

Nesse karaokê, aleluia, desafinados não têm vez. O sucesso depende do bom desempenho na barra que mede graves e agudos. Quanto melhor a performance, mais animada fica a platéia, que canta junto. Avançar de fase vale discos de platina e acesso a novos personagens. Tudo isso se esbaldando com hits de Michael Jackson, Aretha Franklin ou Elvis.

O mais inovador

GameCube – Donkey Kong: Jungle Beat

Nintendo – R$ 165 (jogo + bongôs)

Continua após a publicidade

ww.nintendo.co.jp/ngc/gybj/

Batidas num bongô controlam os movimentos de um macaco. Toques orientam saltos e a direção para onde ele correrá. Palmas comandam socos. Para enfrentar vilões, tudo se altera: cada toque no bongô dispara um soco – assim é possível emplacar uma seqüência de diretos. Disponível apenas no Japão, deve chegar aos Estados Unidos neste ano.

O mais barulhento

PS2 – Taiko Drum Master

Namco – R$ 165

Continua após a publicidade

http://www.namco.com/games/taiko

Um par de tambores e duas baquetas são os acessórios desse game musical que tem cerca de 30 músicas no repertório. As partidas se desenrolam com seqüências indicando em qual tambor você deve bater: direito, esquerdo ou ambos. Como bônus, o jogo possui alguns minigames não musicais que também utilizam as baquetas.

O clássico – Samba de Amigo

Sega

http://dreamcast.ign.com/articles/164/164748p1.html

Continua após a publicidade

Lançado em 2000, Samba de Amigo revolucionou o segmento musical ao introduzir maracas como controle. Para jogar, era preciso chacoalhá-las seguindo o ritmo de seis círculos coloridos fixos na tela. Criatividade e pioneirismo tinham apenas um problema, que pesava no bolso: na época, o produto custava US$ 120.

Uma dica – GunCon 2

Namco – R$ 165

Continua após a publicidade

http://www.netunia.com.br

Pistola para jogos de tiro existem aos montes. Mas a GunCon é a pistola-mor. Mais robusto e eficiente que qualquer concorrente, o trabuco também esbanja estilo. E, apesar de vendido apenas em conjunto com os jogos da série Time Crisis, pode ser usado em diversos games, como Resident Evil: Dead Aim e Dino Stalker.

Publicidade