Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

História perdida de Doctor Who ganha versão animada

50 anos depois de sua exibição original, “The Power of the Daleks” será resgatada pela BBC

Por Jessica Soares Atualizado em 4 nov 2016, 19h18 - Publicado em 8 set 2016, 15h30

Um ano vai ter se passado até que reencontremos o alienígena com dois corações vivido por Peter Capaldi. Neste ano, não teremos uma nova temporada de Doctor Who, que só volta à telinha em 25 de dezembro, para o tradicional especial de Natal anual, antes da estreia da décima temporada do programa britânico, prevista para abril de 2017. Mas 2016 vai ser um ano especial para os fãs do seriado: em novembro, a BBC vai relançar, em versão animada, The Power of the Daleks, história exibida originalmente 50 anos atrás.

Série televisiva de ficção científica de mais longa duração no mundo, Doctor Who tem, até o momento, um total de 819 episódios. Mas, a menos que você esteja acompanhando as aventuras do Senhor do Tempo desde que o seriado estreou na BBC, em 1963, (ou tenha acesso a uma TARDIS) fazer uma maratona completa do programa é uma tarefa impossível. Isso porque, 97 episódios clássicos da série foram perdidos – ou, mais especificamente, destruídos.

Na longínqua década de 1960, a emissora britânica tinha uma política bem diferente no que diz respeito à memória de seus programas televisivos. Exceto em casos especiais, rolos de filme de seriados já exibidos não iam para um arquivo especial, mas, sim, para o lixo. Para dar espaço para gravações potencialmente mais lucrativas, foram descartados episódios de dezenas de séries da TV britânica, incluindo quase cem capítulos do período mais antigo da história de Doctor Who. Uma mancada de proporções intergalácticas.

Como whovians não costumam desapontar, áudios desses episódios foram gravados e guardados por fãs. Em alguns casos, esse material foi disponibilizado junto de galerias de fotos ou, no caso de histórias seriadas com apenas alguns capítulos perdidos, disponibilizadas com animações tapando os buracos. Agora, com The Power of the Daleks, a BBC faz um esforço maior para reparar o erro passado: essa é a primeira história seriada a ser completamente reconstruída em versão animada.

Exibida originalmente entre novembro e dezembro de 1966, durante a quarta temporada clássica da série, a história com seis capítulos marca a primeira regeneração do viajante do tempo do planeta de Gallifrey e a apresentação do segundo Doutor, vivido por Patrick Troughton. O design dos personagens foi criado pelos quadrinistas Martin Geraghty e Adrian Salmon e os desenhos serão acompanhados pelos áudios originais dos episódios.

Continua após a publicidade

 

 

Na história, o Doutor, junto dos companheiros Ben e Polly, visitam o planeta Vulcan, uma colônia humana. Lá, eles encontram os clássicos antagonistas do Senhor do Tempo, os Daleks. Mas, ao invés de tocarem o terror no ritmo do clássico mantra “Exterminate!”, as sinistras criaturas entoam a frase “I am your servant!” (“Eu sou seu servo!”, em português) e atuam como empregados dos humanos. Caso você já tenha esbarrado com esses vilões em outros episódios, já sabe: há algum plano elaborado por trás da suposta submissão.

Os episódios reconstruídos começarão a ser exibidos no dia 5 de novembro pela BBC – exatamente 50 anos depois da exibição original do primeiro capítulo da história seriada – com veiculação de um capítulo diário ao longo de seis dias. Allons-y!

Continua após a publicidade
Publicidade