GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Romântica visão do tempo

Sonhos de Einstein, Companhia das Letras, São Paulo, 1993

Alan Lightman

As três dimensões do tempo, o tempo mecânico e o tempo corporal, as viagens no tempo: variações sobre o mesmo tema, que vão surgindo, cada qual com sua singularidade, ao longo de 30 sonhos, que o autor Alan Lightman atribui ao físico alemão Albert Einstein, quando ele consolidava suas teorias mais famosas na cidade suíça de Berna, no começo deste século. Os sonhos acontecem em suas ruas estreitas, nos jardins, nas casas e as personagens são pessoas comuns. Professor de Física do Instituto de Tecnologia de Massachusetts, em Boston, nos Estados Unidos, Alan Lightman estréia com louvor na ficção, fazendo uso de uma idéia antiga: a de que a ciência, assim como a poesia, deriva da Filosofia. Sobre ele, o matemático do caos James Gleick disse: “Nenhum romancista, físico ou filósofo jamais ofereceu uma visão tão encantadora dó que o tempo é ou poderia ser”. Por isso mesmo, não é preciso conhecer a Teoria da Relatividade ou as complicadas leis da Física para acompanhar esse peculiar romance – apresentado em forma de livro de bolso -, sem enredo ou personagens centrais a amarrar a trama, a não ser Einstein e seus sonhos.