Clique e assine a partir de 8,90/mês

A história da comunicação

Por Da Redação - Atualizado em 31 out 2016, 18h21 - Publicado em 31 dez 2004, 22h00

1. Só no papo

A fala surge quando gestos, expressões faciais e o uga-uga da Pré-História não são mais suficientes

2. A mensagem eternizada

A escrita libera o cérebro da tarefa de memorizar. Com ela, o saber pode ser acumulado fora do corpo e é possível deixar registros que serão vistos mesmo depois da morte. A palavra escrita torna-se sagrada e os livros, pilares das religiões

3500 a.C.

Os egípcios criam os hieróglifos

4000 a.C.

Já havia serviço de correio entre chineses

8000 a.C.

As primeiras inscrições em carvernas são dessa data

Continua após a publicidade

3. Rprodução em série

A prensa, inventada por Gutenberg em 1452, permitiu a reprodução fiel e a difusão de uma mesma mensagem. Os acontecimentos circulam com rapidez. Notícias ganham alcance continental, de forma periódica. Instala-se a idéia da liberdade de imprensa: é preciso dizer tudo

305 d.C.

Primeiras prensas de madeira inventadas na China

1450

Jornais aparecem na Europa

1650

Primeiro jornal diário aparece na Alemanha

4. A mensagem sem fronteiras

O ar é um suporte mais dinâmico e democrático do que as folhas de papel. Com os veículos “de massa”, é possível atingir uma multidão de anônimos. As ondas do rádio encurtam distâncias. O telégrafo e o telefone possibilitam a comunicação instantânea – com a interação quase imediata de emissor e receptor – e, por isso, funcionam quase como extensões do corpo

Continua após a publicidade

1835

O telégrafo elétrico é inventado por Samuel Morse

1876

Alexander Graham Bell patenteia o telefone elétrico

1887

Emile Berliner inventa o gramofone

1894

O italiano Marconi inventa o rádio. Trinta anos depois, o veículo está no auge da sua popularidade

1899

Primeira gravação magnética, ponto de partida de fitas cassete

Continua após a publicidade

1948

Inventado o LP de vinil de 33 rotações

5. A ilusão do mundo real

A comunicação audiovisual poupa-nos o esforço da imaginação. Da urgência de captar o movimento de uma sociedade industrializada, surge a fotografia. Logo o cinema cria a ilusão do movimento real. A TV traz o mundo para dentro da sala – e, com ele, as mensagens publicitárias. Há uma nova maneira de perceber o planeta: é o começo da globalização

1827

Joseph Nicéphore Niépce faz a primeira fotografia de que se tem notícia

1888

Aparece a câmera fotográfica de filme de rolo

1895

Os irmãos Lumière inventam o cinema na França

Continua após a publicidade

1910

Thomas Edison faz a demonstração do primeiro filme sonoro

1923

A televisão é inventada por Vladimir Kosma Zworykin

1927

Primeira transmissão de televisão na Inglaterra

1934

Inventado o videotape

6. Tudo ao mesmo tempo agora

O mundo virtual é um imenso arquivo de dados sempre disponível. Não há fronteiras: tudo está ligado em rede planetária. E um minúsculo aparelho é capaz de nos dar acesso a todo esse universo. Os impactos da internet mudam as relações de trabalho, o aprendizado e a vida social. É preciso rever alguns conceitos, como a liberdade de expressão

Continua após a publicidade

1971

Surge o primeiro disquete de computador

1976

Inventado o computador pessoal Apple I

1981

Vendido o primeiro PC da IBM

1994

Nasce a World Wide Web

Publicidade