Clique e assine a partir de 8,90/mês

Gangue do clique-clique

Trata-se da história de um grupo de quatro fotógrafos sul-africanos, todos brancos, que cobriu de perto os sangrentos conflitos que sucederam o fim do regime racista do Apartheid na África do Sul, em 1990.

Por Da Redação - Atualizado em 31 out 2016, 18h21 - Publicado em 30 abr 2003, 22h00

Rodrigo Vergara

Se você ainda acha que o Brasil não é um país racista, devia ler Clube do Bangue Bangue (Companhia das Letras). Trata-se da história de um grupo de quatro fotógrafos sul-africanos, todos brancos, que cobriu de perto os sangrentos conflitos que sucederam o fim do regime racista do Apartheid na África do Sul, em 1990. Quem conta a história são dois deles. O tema é a violência desmesurada daqueles tempos, mas é impossível ignorar a sombria semelhança entre as condições da maioria negra lá com a da maioria pobre e parda no Brasil.

Publicidade