Clique e assine a partir de 8,90/mês

Qual a origem da história do Papai Noel?

Uma breve história do bom velhinho

Por Maria Silvia R. de Barros - Atualizado em 21 dez 2017, 19h02 - Publicado em 30 nov 1992, 22h00

Ele realmente existiu, mas era bem diferente do que imaginam as crianças.

Não andava de trenó puxado por renas encantadas, nem era barrigudo – Papai Noel foi, na verdade, o esbelto bispo Nicolau, que viveu e pontificou na cidade de Mira, na Ásia Menor, no século 4, e foi santificado como São Nicolau.

Muitos milagres lhe foram atribuídos, mas o mais famoso deles foi ter aparecido em sonhos ao imperador romano Constantino (280-337). Nele, salvava a vida de três capitães de um navio condenados à morte.

Sua transformação em símbolo natalino aconteceu na Alemanha, e daí conquistou os outros países da Europa e a América. Nos Estados Unidos, com o nome de Santa Claus, é que a tradição do velhinho bom e generoso adquiriu força.

A figura do Papai Noel, foi obra do cartunista americano Thomas Nast, que publicou seu desenho na revista Harper’s Weekly em 1981. Com sua barba comprida, barrigão e pesadas roupas vermelhas, Papai Noel se popularizou pelo resto da América.

Continua após a publicidade
Publicidade