GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Traje médico: Roupa branca lembra o templo de Hipócrates

Além de ser símbolo de higiene, a cor que os médicos vestem é cópia de um hábito iniciado na Grécia Antiga

De onde vem o costume dos médicos usarem roupas brancas?

A tradição começou no templo de Hipócrates, na ilha grega de Cos, onde se tratavam doentes por volta dos séculos V e VI antes de Cristo. Era hábito dos médicos, auxiliares e pacientes usarem branco para que não fossem feitas distinções entre eles. Além disso, a região era muito quente e o branco, mais confortável que os trajes escuros. Há também uma explicação prática. No final do século passado, a higiene começou a ser valorizada. Como o branco é associado à limpeza, passou a ser adotado. “Qualquer sinal de sujeira fica visível, forçando o médico a trocar-se rapidamente”, diz o estudioso da História da Medicina Décio Altimari, da Santa Casa de São Paulo. Mas nem sempre usou-se branco. Em meados de século passado era comum o uniforme escuro, sinal de classe social elevada. Foi nessa época também que foram feitas as primeiras cirurgias. As manchas de sangue apareciam menos em tecidos escuros.