Clique e assine a partir de 8,90/mês

Vikings sofriam de varíola – há 1400 anos

É o que revela um novo estudo, que analisou cemitérios vikings no norte da Europa.

Por SUPER - Atualizado em 1 set 2020, 19h19 - Publicado em 1 ago 2020, 12h07

Antes de ser erradicada em 1980, a varíola assolou a humanidade por séculos – há quem defenda, até, que seu vírus causador passou a atacar humanos há 14 mil anos. O registro mais antigo da doença, porém, datava do século 17.

Agora, cientistas descobriram resquícios bem mais antigos, de 1,4 mil anos atrás, em 11 corpos encontrados em cemitérios vikings no norte da Europa.

Análises genéticas mostraram que o vírus se parece mais com as versões encontradas em animais do que com a varíola moderna, o que sugere um longo caminho de mutações.

De qualquer forma, é certo que vikings tinham de se preocupar não só com batalhas sangrentas e conquistas marítimas, mas também com um inimigo microscópico insistente.

Continua após a publicidade
Publicidade