GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Por quanto tempo o gás carbônico permanece no ar?

Segundo um estudo recente feito por pesquisadores da Universidade de Victoria, no Canadá, o gás carbônico (CO2) permanece na atmosfera por cerca de 1?800 anos. Mas o número está longe de ser um consenso entre os cientistas. Na verdade, o número é bem maior do que as estimativas anteriores, que apontavam que o gás ficava no ar por, no máximo, 400 anos. Segundo os pesquisadores da universidade canadense, a diferença ocorreu porque os estudos anteriores não consideravam o efeito do aquecimento na superfície dos oceanos. O CO2 é o principal gás causador do efeito estufa, juntamente com o metano (CH4), o óxido nitroso (N2O) e os clorofluorcarbonos (CFCs). Esses gases formam uma espécie de redoma de vidro sobre a Terra, deixando entrar a luz solar, mas aprisionando o calor refletido pela superfície. O CO2 é o mais prejudicial por ser o mais abundante, respondendo por cerca de 70% da quantidade total de gases-estufa. Segundo o relatório Combater as Alterações Climáticas: Solidariedade Humana em um Mundo Dividido, divulgado em novembro de 2007, Estados Unidos e China são os maiores emissores de CO2 do planeta. O Brasil é o 16º desse ranking, mas, de 1990 até hoje, as emissões brasileiras bombaram: aumento de 58%, principalmente em função do desmatamento da Amazônia, que, segundo o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento Humano (Pnud), é o principal responsável pelo CO2 que emitimos 🙂