Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Por que a editora se chama Abril?

Foi uma opção do fundador da empresa, o nova-iorquino de origem milanesa Victor Civita. Numa entrevista em 1982, ele mesmo contou que o nome Abril foi escolhido por representar o início da primavera na Europa, terra natal de Civita. Na mesma conversa, ele explicou por que o logotipo da editora é uma árvore. “Escolhi a […]

Por Redação Mundo Estranho Atualizado em 4 jul 2018, 20h20 - Publicado em 18 abr 2011, 18h48

Foi uma opção do fundador da empresa, o nova-iorquino de origem milanesa Victor Civita. Numa entrevista em 1982, ele mesmo contou que o nome Abril foi escolhido por representar o início da primavera na Europa, terra natal de Civita. Na mesma conversa, ele explicou por que o logotipo da editora é uma árvore. “Escolhi a árvore como símbolo da Editora Abril porque é a representação da fertilidade, a própria imagem da vida. O verde porque é a cor da esperança e do otimismo”. O interessante é que, nos primórdios da editora, a arvorezinha tinha um desenho diferente, estampada em branco com o fundo azul. O logotipo que conhecemos hoje foi criado pelo diretor de arte Juvenal Ramos, e aparece na capa de todas as publicações do grupo a partir de 1967. Maior editora do país, com 200 milhões de revistas vendidas em 2004, a Abril lançou sua primeira publicação em 1950: o gibi O Pato Donald. A pioneira revista surgiu dois anos depois: era a quinzenal Capricho – que, na época, publicava apenas fotonovelas. Desde então, já foram mais de 150 títulos, entre eles este que você está lendo agora. A primeira edição da sua Mundo Estranho foi às bancas em agosto de 2001, ainda como especial da revista Superinteressante. Era o início de um trabalho que a gente espera continuar fazendo bem legal para durar bastante!

Publicidade