Clique e assine a partir de 8,90/mês

Por que os camicases usavam capacete?

Por Roberto Navarro - Atualizado em 4 jul 2018, 20h20 - Publicado em 18 abr 2011, 18h35

O que os camicases usavam não era um capacete como conhecemos hoje, mas um gorro de couro, lona ou tecido grosso. Muitas vezes forrado com pele, esse gorro protegia a cachola dos pilotos suicidas do vento e do frio – afinal, durante o período em que os camicases estiveram em ação (por volta de 1945), eles voavam com as janelas de suas cabines abertas, para poder identificar seu alvo com precisão. A moda de usar um gorro ou capuz, alías, era um costume disseminado entre pilotos de caças da Segunda Guerra, qualquer que fosse o país envolvido. Em geral, o modelito básico dos aviadores militares daquela época incluía gorro, óculos de aviação, fones e microfones para radiocomunicação. Os precursores dos capacetes atuais só se integraram ao equipamento dos pilotos no fim da Segunda Guerra, quando cascos de resina plástica começaram a ser fornecidos a pilotos americanos.

Publicidade