GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Quais locais do Brasil podem ser eleitos maravilhas da natureza?

A floresta amazônica e as cataratas do Iguaçu. Elas concorrem com outros 26 cartões-postais do mundo todo na eleição promovida pela organização New 7 Wonders – a mesma que, em 2007, incluiu o Cristo Redentor como uma das novas maravilhas feitas pelo homem. Dessa vez, os “candidatos” não podem ter sofrido intervenção humana. Outros critérios importantes são a beleza, o legado histórico e o valor ecológico desses locais. A definição dos vencedores ficará a cargo do público: basta acessar new7wonder.com até 11 de novembro, votar e torcer pelo Brasil!

De encher os olhos

Conheça os 28 patrimônios ecológicos que disputam seu voto

Amazônia

Brasil, venezuela, Suriname, Colômbia, Bolívia, Equador, Peru, Guiana e Guiana Francesa

Sua beleza (e seus números) são de tirar o fôlego. São mais de 7 milhões de km2, com mais da metade de toda a floresta tropical restante no globo e cruzada pelo maior rio em volume, o Amazonas. Segundo a World Wildlife Foundation, uma de cada dez espécies na Terra está na Amazônia

Cataratas do Iguaçu

Brasil e Argentina

É aqui que as águas do rio Iguaçu se dispersam majestosamente por cerca de 270 cachoeiras, com alturas variando entre 60 e 82 m (a mais famosa, chamada de Garganta do Diabo, marca a fronteira entre nosso país e nossos vizinhos argentinos). Detém o recorde de maior queda d’água do planeta em volume

Grand Canyon

EUA

O gigantesco vale rochoso com profundidade de até 1,8 km foi esculpido pelo rio Colorado entre 2,6 e 10 milhões de anos atrás

Baía de Fundy

Canadá

Com 270 km de extensão, possui a maré mais alta do mundo (de até 16 m!) e serve de lar para 12 tipos de baleia

Ilha de Galápagos

Equador

Charles Darwin consagrou este verdadeiro reduto biológico, com espécies únicas como a tartaruga-gigante e a iguana-marinha

Salto Angel

Venezuela

É a cachoeira mais alta do mundo, com 979 m – resultado do encontro do rio Churum com o relevo especial das “montanhas de mesa”

Bosque Nacional El Yunque

Porto Rico

Um dos lugares mais chuvosos do mundo, com mais de 240 espécies de árvores e 20 tipos raros de orquídea

Falésias de Moher

Irlanda

Estes 8 km de paredões de até 241 m de altura, esculpidos pelo oceano Atlântico, são uma reserva para aves marinhas

Pico Matterhorn

Suíça e Itália

É o pico mais famoso dos Alpes, com 4.478 m e quatro faces que se alinham perfeitamente com os pontos cardeais

Floresta Negra

Alemanha

Esta área de 12 mil km2 no sudoeste do país ganhou seu nome graças à densa vegetação de coníferas, que chegava a tapar a luz do sol

Vulcão Vesúvio

Itália

Famoso por destruir Pompeia em 79 d.C., é também um parque nacional, com coelhos, raposas e mais de 100 espécies de ave

Distrito de Lagos da Masúria

Polônia

Também conhecido como “terra dos mil lagos”, foi criado por geleiras da Era Glacial do período Pleistoceno

Mar Morto

Israel, Jordânia e Palestina

É o maior lago salino do globo. Por ser nove vezes mais salgado que o mar, sua fauna é praticamente nula

Ilha Bu Tinah

Emirados Árabes Unidos

É um complexo conjunto de ilhas, corais e manguezais, habitados por flamingos, peixes-boi, golfinhos e tartarugas

Baía de Halong

Vietnã

Mais de 1,9 mil formações de calcário se espalham por esta paisagem bucólica, que tem 74 espécies exclusivas de flores e bichos

Montanha Yushan

China

Com 3.952 m, recebe uma camada de neve no inverno que deixa sua cor parecida com a do jade, pedra ornamental que é um símbolo chinês

Ilha vulcânica de Jeju

Coreia do Sul

A maior ilha do país possui também a maior montanha local (na verdade, um vulcão adormecido), com 1.950 m de altura

Parque Nacional de Komodo

Indonésia

Espalhado pelas ilhas Komodo, Rinca e Padar, entre outras, a reserva abriga o raro dragão- de-komodo e mais de mil espécies de peixe

Rio subterrâneo Puerto Princesa

Filipinas

Uma maravilha da “engenharia natural”: um rio de 8,2 km que atravessa uma montanha de calcário e deságua no mar da China

Milford Sound

Nova Zelândia

Um fiorde magnífico de quase 15 km, rodeado por floresta tropical e picos majestosos – um deles em formato de leão e outro de elefante

Vulcões de lama

Azerbaijão

Mais da metade destes raros fenômenos geotérmicos se encontram neste país. Eles costumam entrar em erupção a cada 20 anos

Monte Kilimanjaro

Tanzânia

A montanha mais alta da Àfrica, com 5.895 m, é, na verdade, um vulcão adormecido, com espécies raras de plantas

Grande Barreira de Corais

Austrália e Papua Nova Guiné

É o maior sistema de recife de corais do mundo, com 344 mil km2, e um dos mais ricos biomas do planeta

Gruta de Jeita

Líbano

Conjunto de cavernas e galerias de calcário gigantescas, com incríveis 9 km de extensão, onde fica a maior estalactite do mundo

Montanha Mesa

África do Sul

Cartão-postal da Cidade do Cabo, possui em seu topo um platô de quase 3 km de extensão, coberto de nuvens

Sundarbans

Índia e Bangladesh

O delta do rio Ganges se desdobra na maior floresta de manguezal do mundo, habitat do impressionante tigre-de-bengala

Uluru

Austrália

Também conhecida como Ayers, esta enorme rocha de arenito de 9,8 km de circunferência muda de cor com a incidência de luz

Atóis

Ilha Maldivas

Na verdade, toda esta república é composta de 26 atóis no oceano Índico, com 1.192 ilhas (mais de 900 delas não ocupadas pelo homem)

• Cada nação só poderia participar com um lugar, mas são feitas exceções para finalistas compartilhados por vários países, como a Amazônia

FONTES Revista VIAGEM E TURISMO e sites bayoffundy.com, cliffsofmoher.com.ie, about-germany.org, salt-angel.com, deadsea.co.il, butinah.ae, komodonationalpark.org, new7wonders.com e worldwildlife.org