Assine SUPER por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Quais são os sete líderes do Inferno, segundo a demonologia?

Segundo teorias demonologistas, estes são os líderes do Inferno (e causadores dos sete pecados capitais)

Por Claudia de Castro e Lima
Atualizado em 7 nov 2023, 14h18 - Publicado em 13 set 2016, 19h13

Céu ao inferno

ILUSTRAS André Toma

ESSA MATÉRIA FAZ PARTE DA REPORTAGEM O UNIVERSO DOS ANJOS E DEMÔNIOS. LEIA TAMBÉM AS OUTRAS PARTES:

+ Como é a hierarquia dos anjos católicos?

+ Como Lúcifer foi expulso do paraíso e transformado em Satanás?

+ 6 histórias de pessoas que tiveram contato com o capeta

+ Qual a aparência do Diabo, segundo o cristianismo?

As ilustrações desta matéria são inspiradas na obra Dicttionaire Infernal, publicada em 1818, e que traz descrições e desenhos de 69 demônios.

Belzebu - Gula

Belzebu

Em 1589, o teólogo e bispo alemão Peter Binsfield associou cada demônio a um pecado. Este aqui causaria a gula. Sua imagem veio do deus da fertilidade Baal, idolatrado pelos cananeus, mas considerado um falso ídolo pelos cristãos. Textos de 1613 do inquisidor francês Sebastien Michaelis, porém, o consideram a origem do orgulho.

Continua após a publicidade

Mamom - Avareza

Mamon

O nome é aramaico e significa “riqueza”. Não por acaso, Binsfield o remete à avareza. Aparece em dois Evangelhos, de Lucas e Mateus. Neste último, é citado no versículo “Você não pode servir a Deus e a Mamon”, também traduzido, algumas vezes, como “Você não pode servir a Deus e ao dinheiro”. Não é mencionado por Michaelis.

Azazel - Ira

Azazel

Binsfield dizia que esse era o líder de um grupo de anjos caídos que faziam sexo com mulheres mortais. Foi ele quem teria ensinado aos homens como fabricar armas de guerra – por isso, está ligado à ira. Michaelis discorda: ele propõe que esse pecado era causado pelo ex-príncipe dos querubins Baalberith, que transformava homens em assassinos.

Lúcifer - Orgulho

Continua após a publicidade

Lúcifer

Para Binsfield, Lúcifer era o orgulho, já que foi sua soberba perante Deus que causou sua desgraça. Segundo Michaelis, ele seria também o líder da “primeira esfera” do inferno, reservada a ex-querubins, serafins e tronos. (Belzebu seria seu braço direito e segundo em comando).

Asmodeus - Luxúria

Asmodeus

É um espírito do mal cuja origem, na verdade, remete a uma religião persa chamada zoroastrismo. Ele foi absorvido pelo judaísmo, que o associa ao rei de Sodoma (aquela cidade bíblica cheia de exageros sexuais, destruída por Deus no Velho Testamento). Daí sua conexão com a luxúria. Também é um ex-serafim.

Leviatã - inveja

Leviatã

Também um ex-serafim, é um dos capetas mais poderosos, responsável por fazer os homens tornarem-se hereges. Habita o fundo do mar, é mencionado na Bíblia e tem várias aparências: dragão marinho, serpente, baleia e até crocodilo. Binsfield afirma que ele promove inveja e leva à obsessão pelos bens materiais.

Continua após a publicidade

Belgefor - Preguiça

Belfegor

Extraído da mitologia assíria. Ele teria uma aparência atlética, grande estatura e chifres de carneiro. Seus inventos engenhosos trariam riqueza fácil aos homens, tornando-os vítimas da preguiça. Na análise de Michaelis, porém, esse vício seria causado por outra criatura maligna, Astaroth, ex-membro da classe dos tronos.

AS OUTRAS ESFERAS

Conheça os habitantes dos setores restantes

Para Michaelis, a segunda esfera pertencia aos demônios que, um dia, foram virtudes, dominações ou potestades. Entre eles:

– Carreau: endurece o coração dos homens

Continua após a publicidade

– Carnivean: provoca a obscenidade

– Belias: torna as mulheres vaidosas

– Oeillet: causa violações nos votos de pobreza

Na terceira esfera ficam ex-principados, arcanjos e anjos:

– Olivier: ligado à crueldade

Continua após a publicidade

– Luvart: faz os humanos adorarem outros deuses

CONSULTORIA Volney Berkenbrock, doutor em teologia pela Universidade de Bonn, na Alemanha, e professor de pós-graduação em ciência da religião da Universidade Federal de Juiz de Fora, e Gary E. Gilley, doutor em teologia pela Universidade de Cambridge

FONTES Livro Satã – Uma Biografia, de Henry Ansgar Kelly, documentários Satanás, Príncipe das Trevas e Portões para o Inferno e tese acadêmica Speak of the Devil: A Brief Look at the History and Origins of Iconography of the Devil from Antiquity to the Renaissance, de Eric Williams

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

A ciência está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por SUPER.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.