Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Qual foi o maior império em extensão e duração?

Existem dois favoritos nessa disputa polêmica: em extensão, o Império Britânico; em duração, o Chinês. Mas esse é o tipo de pergunta que os historiadores evitam responder sem colocar vários poréns. Para eles, um império não tem fronteiras nem duração, pois seu esforço de expansão permanente impossibilita traçar linhas divisórias precisas. “Mas, para tentar dar […]

Por Redação Mundo Estranho Atualizado em 4 jul 2018, 20h14 - Publicado em 18 abr 2011, 18h56

Existem dois favoritos nessa disputa polêmica: em extensão, o Império Britânico; em duração, o Chinês. Mas esse é o tipo de pergunta que os historiadores evitam responder sem colocar vários poréns. Para eles, um império não tem fronteiras nem duração, pois seu esforço de expansão permanente impossibilita traçar linhas divisórias precisas. “Mas, para tentar dar uma resposta aproximada, o Império Britânico, entre meados do século XVIII e o final do XIX, foi o que teve a maior extensão territorial”, diz o historiador Maurício Broinizi Pereira, professor da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Nesse período, afirmava-se que o Sol nunca se punha no Império Britânico, pois ele tinha territórios nos cinco continentes, incluindo países de grande extensão como Austrália, Canadá e Índia. Em seu auge, os ingleses chegaram a comandar uma área equivalente a quase um quarto do planeta!

Mas esse domínio durou relativamente pouco tempo se comparado a um império que teve início dois milênios antes de Cristo e que chegou até o século XX: o Império Chinês. “Ele se prolongou por aproximadamente 36 séculos, portanto teria sido o de maior duração. Mas é importante ressaltar que fica complicado aplicar o mesmo conceito de império para casos diferentes, assim como existem divergências quanto à duração e à extensão”, afirma Maurício.

Publicidade