Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Qual o animal terrestre mais perigoso do mundo?

São os indivíduos da subordem Ophidia, ou seja, as cobras

Por Bruno Machado
Atualizado em 22 fev 2024, 10h35 - Publicado em 24 set 2015, 16h01

São os indivíduos da subordem Ophidia, ou seja, as cobras. Na verdade, é difícil estabelecer um campeão, porque não existem dados sobre todas as espécies do mundo. Além disso, a pergunta é subjetiva: o homem é um animal terrestre que mata mais gente do que qualquer outro (500 mil homicídios por ano). Mas as cobras são uma aposta bem segura entre os demais: só no Brasil, todo ano são registrados mais de 30 mil ataques desses répteis e, segundo a Organização Mundial da Saúde, eles respondem por mais de 125 mil mortes anuais em todo o mundo. Vale dizer, também, que estamos apenas considerando mortes por ataque direto. Senão os ratos também poderiam estar no topo da lista, já que transmitem doenças, como leptospirose.

– Como é feito o ritual de encantamento de serpentes?

– Como é feito e como age o soro antiofídico?

AS QUATRO COBRAS CAMPEÃS DE MORTES NO PLANETA

1ª Taipan do interior

Espécie – Oxyuranus microlepidotus

Região – Austrália

Mortes por ano – 289

Continua após a publicidade

Tempo para matar um homem – 15 a 45 minutos

2ª Cobra-da-floresta

Espécie – Naja melanoleuca

Região – África central e ocidental

Mortes por ano – 65

Tempo para matar um homem 20 a 120 minutos

Continua após a publicidade

3ª Cobra marrom ocidental

Espécie – Pseudonaja textilis

Região – Austrália, Indonésia e Papua Nova Guiné

Mortes por ano – 58

Tempo para matar um homem – 3 a 20 minutos

4ª Taipan costeira

Espécie – Oxyuranus scutellatus

Continua após a publicidade

Região – Austrália

Mortes por ano – 56

Tempo para matar um homem – 30 a 150 minutos

NADA INOFENSIVOS

Outros bichos perigosos

HIPOPÓTAMO – 3 mil mortes por ano

Continua após a publicidade

ELEFANTE – 600 mortes por ano

BÚFALO – 200 mortes por ano

PERGUNTA Gabriela, Porto Alegre, RS

FONTES Sites do Ministério da Saúde, Instituto Butantan, CDC.gov, G1 e Time.com consultoria Giuseppe Puorto, biólogo e diretor do Museu Biológico do Instituto Butantan

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.