Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Qual o significado dos símbolos com olhos?

A visão sempre fascinou todas as culturas e civilizações ao redor do planeta. Estes são quatro dos símbolos místicos que remetem aos olhos

Por Diego Meneghetti
Atualizado em 22 fev 2024, 10h17 - Publicado em 13 jan 2017, 13h55

O olho é um símbolo da percepção das coisas, entendido como o elo entre o mundo interior e o exterior – por isso, também é ligado à clarividência. Muitas doutrinas entendem que ele é capaz de liberar energias positivas e negativas; o “mau-olhado” e o “olho gordo”, na cultura brasileira, representam bem essa ideia.

Espelho da alma
()

1) Olho de Hórus

Esse olho estilizado, com uma sobrancelha acima e um arabesco abaixo, representa a visão onipresente do Deus do Sol, Hórus. É o sinal que os egípcios antigos usavam para saudá-lo, e hoje virou um dos símbolos mais desenhados pelos tatuadores. Em rituais mágicos, o Olho de Hórus significa o acesso à sabedoria oculta. Na mitologia egípcia e em outras crenças o olhoesquerdo é ligado à Lua, e o direito ao Sol. Pintado na lateral das urnas funerárias egípcias, esperava-se que, com ele, o cadáver poderia ver seu caminho para o além. Antigos marinheiros do Oriente adornavam suas embarcações com o Olho de Hórus para pedir segurança no mar.

+ Dicionário de Simbologia: qual o significado dos diferentes tipos de estrela?

Continua após a publicidade

+ Dicionário de Simbologia: O que significam os símbolos com espirais ou padrões complexos?

2) Olho da Providência

O “olho que tudo vê” tem referências egípcias, mas ganhou essa configuração no século 17. Ele representa o olho de Deus, que observa a humanidade: o triângulo simboliza a Santíssima Trindade e os raios a glória divina. Um dos ícones mais famosos da Maçonaria, o Olho da Providência é um poderoso lembrete aos maçons de que o Grande Arquiteto do Universo está sempre de vigia. Embora seja usado desde 1782 como verso do Grande Selo dos EUA, só em 1935 ele passou a ser gravado na nota de US$ 1, revelando as origens maçônicas daquela sociedade. A seita vietnamita Cao Dai (“Morada Alta”) também usa o Olho da Providência (especificamente com o olho esquerdo) com o mesmo significado.

3) Olhos de Buda

Frequentemente visto nas paredes de estupas (um tipo de monumento construído sobre os restos mortais de algum budista importante), esse símbolo representa a onisciência de Deus – a imagem é pintada em todos os lados da construção, mostrando que Buda vê tudo, “mas nada fala”. O terceiro olho, entre os outros dois, ressalta esse significado e dá o tom aos “Olhos da Sabedoria”, como também é conhecido. Abaixo dos olhos, o traço que lembra uma interrogação é o caractere em sânscrito para o número 1, simbolizando a unidade de todas as coisas.

+ Dicionário de Simbologia: Quais religiões, antes e depois do cristianismo, também usaram a cruz como símbolo?

+ Dicionário de Simbologia: quais símbolos são considerados “do mal”? O que significam?

4) Olho turco

Muito popular na Turquia e em países próximos, como Romênia, Bulgária e Grécia, esse amuleto, também chamado de Nazar, geralmente é produzido em vidro circular azul-escuro com detalhes em branco, azul-claro e preto. É utilizado para afastar o mau-olhado, tradicionalmente pendurado em janelas e portas, podendo também ser colocado em carros, roupas de crianças ou usado como joia. Na Turquia, é fácil encontrar esse símbolo em lojinhas para turistas (é um dos souvenirs de maior sucesso). O Nazar também é usado em situações cotidianas naquele país, como na pintura dos aviões da companhia aérea Fly Air (que deixou de operar em 2007) e no logotipo da Copa Sub-20 da Fifa que foi sediada na Turquia, em 2013.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.