GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

AIDS: A luta pela vacina

Cientistas americanos injetam o vírus morto da doença em uma dúzia de macacos e os animais produzem um exército de anticorpos aparentemente capazes de neutralizar o vírus, embora ainda não se saiba como.

Cientistas americanos estão perto de criar uma vacina contra a AIDS – em macacos. Um mês depois de injetar o vírus morto da doença em uma dúzia de espécimes Rhesus, os pesquisadores voltaram a inocular o microorganismo, desta vez vivo, em quantidade suficiente para provocar a AIDS. No entanto, passado um ano, apenas um macaco tinha ficado doente; os demais haviam produzido um exército de anticorpos aparentemente capazes de neutralizar o vírus, embora ainda não se saiba como. O vírus da AIDS nos primatas é muito parecido com o que ataca o homem. Por isso, animados pela experiência com os macacos, outros cientistas americanos injetaram em pessoas já doentes o HIV – o vírus da AIDS humana – morto, na esperança de ativar as defesas do organismo. O tratamento, porém, não deu resultado. Suspeita-se que o sistema imunológico tenha ignorado o inimigo porque, temendo agravar a infecção, os médicos haviam retirado a capa de proteína que reveste o vírus, em vez de injetá-lo inteiro, como fora feito com os macacos.