GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Alguns genes alterados são a origem de câncer

É possível saber com exatidão a probabilidade de alguém ter câncer?

Para alguns tipos de câncer, já é possível. À medida que progride o mapeamento genético, descobrem-se genes ligados a várias doenças. Assim, se o paciente tiver um determinado gene defeituoso, pode-se prever a chance de ele desenvolver a doença. “É o caso dos cânceres de mama e de ovário, disparados pelo genes BRCA1 e BRCA2, respectivamente”, explica o oncologista Agnaldo Anelli, do Hospital do Câncer, em São Paulo. Se um deles apresentar anomalias, a chance de se ter câncer é de 80%. Alguns médicos aconselham a retirada total do seio saudável aos 40 anos no caso de mulheres com o BRCA1 anormal. “A técnica não elimina totalmente a chance de câncer, pois sempre resta tecido com genes problemáticos”, avisa o oncologista Ruthann Giusti, do Instituto Nacional do Câncer, nos Estados Unidos. Em alguns casos, o risco da doença é de 100%. O gene APC alterado significa certeza de câncer de cólon. Uma má-formação no gene retinoblastoma causa tumores nos olhos com 100% de certeza.