GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Azeite extravirgem é sempre melhor

Não é preciso gastar uma fortuna preparando os seus pratos só com azeite extravirgem. É verdade que, além de saudável, ele é saboroso: o produto conserva todas as propriedades nutricionais da azeitona porque é obtido por meio da prensagem dos frutos a frio (depois eles vão ser processados sob calor para produzir o azeite comum). Mas isso não quer dizer que ele seja o melhor para suas saladas e frituras. Azeites de oliva, de forma geral, são ótimas fontes de gorduras monoinsaturadas; outros tipos de óleos vegetais, como milho, gergelim, girassol e canola, são ricos em gorduras poli-insaturadas. Ambas blindam seu corpo dos problemas cardíacos, por elevar o nível de colesterol bom. Todos eles podem e devem estar presentes na sua mesa. Reserve o extravirgem, mais caro, apenas para ocasiões especiais. Em tempo: é balela a história de que o azeite extravirgem perde a qualidade nutritiva quando levado ao fogo. “Para que a gordura saudável se degenere, precisa ser submetida a temperaturas altíssimas durante muitas horas”, diz a nutricionista Cynthia Antonaccio.