GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Carros são culpados por infertilidade

Motoristas que ficam mais de 2 horas dirigindo na mesma posição podem ter problemas de infertilidade.

Para motoristas profissionais, a infertilidade pode ser uma doença de trabalho. O alerta é do Grupo de Pesquisa em Fertilidade Humana, da França. Um estudo feito pelos seus pesquisadores constatou que, depois de 2 horas dirigindo sem parar, os testículos sofrem um aquecimento médio de 2 ºC.

A temperatura sobe porque o motorista é obrigado a ficar sentado na mesma posição o tempo todo. “O calor altera o processo de formação de espermatozoides”, explica o urologista Joaquim Claro, da Universidade Federal de São Paulo. De acordo com o médico, os testículos precisam se manter entre 1 ºC e 1,5 ºC mais frios do que o resto do corpo.