Clique e Assine por apenas 8,90/mês

Feto dá ordem para o parto

Pesquisadores obtiveram a primeira prova de que procede do cérebro do feto o sinal bioquímico para a produção de hormônios que irão estimular as contrações do útero materno - o trabalho de parto.

Por Da Redação - Atualizado em 31 out 2016, 18h38 - Publicado em 30 nov 1991, 22h00

Uma região específica no cérebro do feto –e não no da mãe – pode ser a central de comando que desencadeia a sucessão dos eventos fisiológicos que conduzem ao nascimento. Trabalhando com carneiros, duas equipes de pesquisadores, independentes uma da outra, obtiveram a primeira prova de que procede do cérebro do feto o sinal bioquímico para produção de hormônios que irão estimular as contrações do útero materno – o trabalho de parto. Pesquisadores da Nova Zelândia já haviam demonstrado que a extração das glândulas supra-renais e da pituitária em fetos de carneiros retardava esse trabalho. Agora, cientistas americanos verificaram que tais glândulas respondem a sinais de uma minúscula região do cérebro chamada núcleo paraventricular.

O próximo passo dos cientistas consistirá em ver se o mesmo acontece em macacos, cujo sistema reprodutivo é aparentado ao homem. Se a resposta for positiva, talvez seja possível mais adiante criar remédios capazes de bloquear aquele sinal no caso de gestantes que entrem em trabalho de parto antes da hora. Bebês prematuros, como se sabe, têm sérios problemas de saúde e correm risco de vida por vir ao mundo com órgãos ainda não amadurecidos.

Publicidade