Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Temperar a comida pode melhorar a microbiota intestinal

Estudos indicam que incorporar ervas e nozes à dieta traz efeitos positivos à saúde do órgão.

Por Leo Caparroz
8 dez 2022, 21h16

Bactérias, vírus e fungos não são necessariamente maus. Trilhões de microrganismos se abrigam em nosso estômago e intestino; eles são o que chamamos de microbiota intestinal e são importantíssimos para nossa saúde. Se a sua não for nutrida adequadamente, bactérias e vírus prejudiciais podem se proliferar, reduzindo a presença dos organismos bons e prejudicando não apenas seu sistema digestivo como o biológico também.

Uma pesquisa da Universidade Estadual da Pensilvânia, nos EUA, mostrou que adicionar ervas e temperos à sua refeição pode aumentar a diversidade da sua microbiota intestinal, o que é uma ótima notícia.

Os cientistas analisaram o impacto da adição de misturas de ervas e especiarias – como canela, gengibre, cominho, açafrão, alecrim, orégano, manjericão e tomilho – às dietas controladas de 54 participantes com risco de doença cardiovascular. Para um grupo, a equipe administrou três doses diárias, de 1/8 colher de chá, 3/4 colher de chá e cerca de 1 1/2 colher de chá, além de um grupo controle que não recebia temperos.

Depois de quatro semanas, os participantes mostraram um aumento na diversidade de bactérias intestinais, principalmente com doses médias e altas de ervas e especiarias.

As novas descobertas apoiam pesquisas recentes que sugerem que ervas e especiarias são um prebiótico natural que alimenta bactérias saudáveis no intestino humano.

Outro estudo, da mesma universidade, investigou o efeito de outro ingrediente culinário na microbiota: amendoins.

Continua após a publicidade

Durante seis semanas, 50 adultos com a mesma dieta diária comiam, após o jantar, 28 gramas de amendoim torrado e sem sal ou uma pequena amostra de queijo e biscoitos.

Assim como no estudo anterior, quem comeu as nozes apresentou maior abundância de bactérias Ruminococcaceae – microrganismos presentes em indivíduos com microbiotas saudáveis.

“A dieta americana média está longe de ser ideal, então acho que todos poderiam se beneficiar adicionando ervas e especiarias”, afirma Penny M. Kris-Etherton, autora do estudo com amendoins. “É também uma forma de diminuir o sódio em sua dieta, mas dar sabor aos alimentos de uma forma que os torne deliciosos!”

Continua após a publicidade
Compartilhe essa matéria via:
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.