GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Veneno natural

O arsênico pode causar câncer de pele, diabetes, doenças vasculares, digestivas, hepáticas, nervosas e renais.

Isadora Grespan

O arsênico é uma substância letal conhecida há séculos pela humanidade. Suspeita-se que o veneno tenha causado a morte de Shakespeare e de Napoleão. E Agatha Christie matou muita gente com ele, em seus romances. O que poucos sabem é que esse veneno terrível brota do chão. O arsênico está presente na água de vários países. China, México, Chile e Índia bebem-no todos os dias. Nos Estados Unidos, há uma enorme polêmica sobre a redução dos limites de arsênico na água – o presidente Bush é contra. Até os nossos vizinhos argentinos precisam tratar sua água para se proteger do risco – estima-se que 7% dos adultos por lá morram envenenados por arsênico. O Brasil, porém, está livre do mal. “Não há registro de contaminação da água por arsênico no Brasil”, afirma o geólogo Uriel Duarte, da Universidade de São Paulo (USP).

De acordo com o geólogo Antonio Mozeto, da Universidade Federal de São Carlos, a água é contaminada ao atravessar rochas que contêm o elemento. O arsênico pode causar câncer de pele, diabetes, doenças vasculares, digestivas, hepáticas, nervosas e renais.