Clique e assine a partir de 8,90/mês

Quarentena deixou o planeta mais silencioso, diz estudo

Pesquisadores analisaram 117 países para entender quanto a ausência de atividades humanas diminuiu a vibração da crosta terrestre.

Por Guilherme Eler - Atualizado em 12 ago 2020, 15h23 - Publicado em 1 ago 2020, 11h49

A quarentena deixou o planeta mais quieto – palavra de uma pesquisa que mediu a intensidade das vibrações da crosta terrestre causadas por ações humanas (como trânsito e canteiros de obras) durante a pandemia.

Das 268 estações sismográficas espalhadas por 117 países, 69% registraram reduções significativas no barulho – principalmente as instaladas em áreas mais populosas.

A Bélgica, por exemplo, ficou 33% mais silenciosa. No Sri Lanka o ruído se tornou até 50% menor. Os ouvidos agradecem.

Publicidade