GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

A nova polêmica do Facebook

Ele está lançando o Portal, um gadget para fazer videochamadas com amigos e parentes. Mas você colocaria uma câmera do Facebook na sua casa?

2,2 bilhões de pessoas usam o Facebook, que tem acesso a uma quantidade considerável (e não plenamente conhecida) de informações a respeito delas. Tanto é assim que, nos últimos dois anos, o Facebook sofreu um bombardeio de críticas e questionamentos: foi acusado de espionar seus usuários e até interferir nas eleições de alguns países. Mark Zuckerberg foi convocado a depor no Congresso dos EUA e pediu desculpas.

Agora, a empresa aponta na direção oposta com o lançamento do Portal, um gadget de US$ 349. Ele serve para fazer videochamadas e ouvir música, ou seja, não é muito diferente do Amazon Echo Show ou do Google Home Hub. Com um grande porém: o Facebook admitiu que coleta algumas informações geradas pelo aparelho, como os horários em que você está em casa, com quem conversa e por quanto tempo. Não é o fim do mundo. Mas para o Facebook, que já monitora tantos dados pessoais, pode ser a gota d’água. O gadget foi mal-recebido nos EUA, onde acaba de ser lançado – inclusive porque, ao apresentar o aparelho, a empresa inicialmente disse que não coletava absolutamente nenhum dado gerado por ele.