GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Condomínio rural

Holandeses desenvolvem projeto de fazenda hi-tech em edifício de seis andares.

Se há prédios de apartamentos, garagens com elevador e até cemitérios verticais, por que não uma fazenda hi-tech de seis andares? O projeto está em andamento na Holanda, país onde a agropecuária ocupa dois terços do território, menor que o Estado do Rio de Janeiro. O Deltapark deve ter chiqueiros com 300 mil suínos, granja com 1,2 milhão de frangos, cultivo de cogumelos em câmaras escuras, flores e verduras em estufas. Como manda o manual dos grandes empreendimentos imobiliários, não podem faltar piscinas – no caso, freqüentadas por milhões de salmões. O megaprojeto foi bombardeado por ambientalistas. Na opinião deles, o Deltapark e sua agropecuária superintensiva apontam para a direção errada – o mundo, escaldado por desastres como a epidemia da doença da vaca-louca, estaria preferindo alimentos produzidos por métodos mais naturais. O engenheiro Jan de Wilt, um dos designers do prédio-fazenda, defende sua cria. Ele argumenta que a tecnologia do Deltapark reproduz um ecossistema auto-sustentável.

Os excrementos dos animais adubariam as plantas. Os restos de vegetais alimentariam os animais. Não se deixaria de aproveitar nem os gases liberados pelos porcos: a flatulência suína seria convertida em biogás.