GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Fila de espera

Livre da atmosfera da Terra, o Hubble poderá perscrutar o espaço sete vezes melhor que qualquer outro equipamento já construído pelo homem.

Enquanto aguarda a cada vez mais afastada hora do embarque, o Hubble repousa num, galpão esterilizado na Califórnia. Para mantê-lo ali, a NASA desembolsa a bagatela de 7 milhões de dólares por mês. Ou seja, o atraso no lançamento acrescentará mais 49 milhões de dólares à conta astronômica de 1,5 bilhão do telescópio. A NASA não teve escolha. Após a retomada dos vôos dos ônibus espaciais em setembro último, com o Discovery, o Hubble não pode furar a fila dos lançamentos previstos para 1989 nos Estados Unidos – três são priorida de militar e outros três transportarão equipamentos para a observação de astros cujo alinhamento ocorrerá

Os astrônomos estão desolados: o telescópio espacial Hubble, cujo lançamento estava previsto para junho de 1989, terá de esperar até fevereiro de 1990 para entrar em órbita. Há cinco anos os cientistas esperam o Hubble subir para divisar galáxias distantes, estrelas e até mesmo eventuais planetas fora do sistema solar.