GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Ideia 102: Um smartphone do bem

À primeira vista, este é apenas um ótimo celular, com tela de 4,3 polegadas, câmera de 8MP e processador quad-core. Existem diversos aparelhos assim - mas eles impõem um custo bem alto para o meio ambiente. O Fairphone quer mudar isso.

Pedro Burgos

MATERIAIS
Fabricar smartphones requer alumínio, ouro e outros metais raros. Para baratear custos, muitos fabricantes compram esses materiais em zonas de conflito, o que acaba financiando regimes ditatoriais na África. O Fairphone é diferente: seu fabricante só adquire minérios de regiões pacíficas e de minas menos nocivas ao ambiente.

TRABALHO LEGAL
O site do Fairphone traz uma lista completa com os fornecedores de todos os componentes do celular. Essas empresas são fiscalizadas, e seus operários recebem um pagamento extra quando estão trabalhando no Fairphone. (Nada de crianças vietnamitas fazendo hora extra para que você possa jogar Angry Birds.)

OPEN TUDO
O lema do Fairphone é: “se você não pode abrir, você não é dono”. A bateria é removível, há espaço para dois chips e é possível escolher entre vários sistemas abertos, que podem ser configurados pelo usuário, como o Android, o Ubuntu e o Firefox OS. O celular também é compatível com os cabos e carregadores USB que provavelmente você já tem em casa.

RECICLÁVEL
Uma porcentagem da venda de cada Fairphone vai para ONGs que facilitam a reciclagem do lixo eletrônico – altamente tóxico. O material usado no telefone é preferencialmente reciclado, mas a ideia é que você não precise jogá-lo fora: o fabricante vende todas as peças de reposição baratinho. E se você quiser se desfazer do celular, o fabricante o compra de volta.

Fairphone, Na Europa: R$ 962, fairphone.com

Outras novidades tecnológicas:

Ideia 103: Fogão-tomada
A fogueira portátil CampStove é uma microusina: a queima da madeira no interior dela gera calor e também energia elétrica – que pode ser aproveitada por uma porta USB. Ou seja: além de cozinhar no acampamento, também dá para carregar a bateria do celular.

BioLite CampStove, Nos EUA: R$ 290 , biolitestove.com

Ideia 104: Limpeza econômica
Antes de começar a trabalhar, esta lavadora e secadora mistura detergente e ar e solta um grande fluxo de bolhinhas de sabão na roupa. A espuma entra mais rápido e mais profundamente no tecido. Assim, ela usa menos água e lava mais rapidamente, economizando energia.

Lavadora e Secadora EcoBubble, No Brasil: R$ 2.100 (8,5kg), samsung.com.br

Ideia 105: Teclado de bambu
O iZen é um teclado bluetooth que funciona com tablets, smartphones ou computadores. E é feito com 92% de bambu reflorestado, revestido com um verniz à prova d¿água. É um ótimo teclado. Mas se um dia você se cansar dele, pode enviá-lo de volta para o fabricante – que recicla o material e dá a você um vale-compras.

iZen Bamboo Keyboard, Nos EUA: R$ 257, izenbamboo.com

Ideia 106: Bike iluminada
Faróis são um item fundamental de segurança para quem anda de bicicleta, mas é chato ter que se lembrar de comprar pilhas. Estes faróis resolvem o problema: são carregados por energia solar e têm autonomia para até 75 horas de uso.

Rydon Pixio, Na Europa: R$ 44, rydon.eu

Ideia 107: Eco-gramofone
Não existe maneira mais barata e sustentável de amplificar o som do seu celular ou MP3 player do que transformá-lo em um mini-megafone. O Eco-amp é um origami de caixa de som. Basta dobrar tudo direitinho para aumentar o volume da música. Seguindo o vídeo de instruções, dá para você mesmo montar um em casa (goo.gl/GlvLVD).

Eco-amp 2.0, Nos EUA: R$ 22 (2 unidades), eco-made.com