GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Por que nos anúncios da Apple os relógios marcam sempre 9h41?

A ideia é sincronizar com os discursos de Steve Jobs - mas nem sempre dá certo

Juliana Elias

Se alguém pode dizer “meu sobrenome é Trabalho”, é Steve Jobs. Não só porque “Jobs” é “trabalhos” em inglês, mas porque o dono da Apple impregnou seu jeito preciosista e meticuloso em cada ação da sua empresa. É o caso do “mistério das 9h41”, que intriga os internautas mais atentos desde 2007, quando o primeiro iPhone foi lançado. O fato: todas as imagens que a Apple divulga do smartphone e agora do iPad mostram no visor o horário “9:41 AM”.

A Apple não comenta nenhuma estratégia de marketing – é, nem as mais bestas. Mas a inteligência coletiva da rede tem uma boa teoria. O horário seria um detalhe calculado pelos executivos da Apple: nos discursos de Jobs, o momento em que o novo produto é apresentado e sua imagem aparece pela primeira vez no telão vem por volta dos 40 minutos de fala. Como os lançamentos começam às 9 da manhã, isso seria – veja só – por volta das 9h41.

Nem sempre dá tão certo. O iPhone, por exemplo, apresentado ao mundo pela primeira vez na manhã de 9 de janeiro de 2007, teve sua primeira imagem exibida às 9h55, horário de São Francisco. Já o iPad, que revolucionou o conceito de “tablet” em 2010, foi revelado sob calorosos aplausos às 10h10.

Isso, como bem sabemos, não atrapalhou nem um pouco as vendas dos referidos produtos. E, de quebra, ainda deu um passatempo aos usuários mais atentos.