Clique e assine a partir de 8,90/mês

Surf de bóias produz energia a partir de ondas do mar

Engenheiro agrícola norte-americano inventou uma forma de obter energia do mar. Por meio de bóias e pistões, a pressão das ondas bombeia água para um tanque e deste a água escoa para uma turbina, imitando uma usina hidrelétrica.

Por Da Redação - Atualizado em 31 out 2016, 18h50 - Publicado em 29 fev 1992, 22h00

Numa viagem ao Havaí, o engenheiro agrícola americano Tom Windle encontrou um lugarejo em decadência pela queda da produção de cana-de-açúcar e abacaxi. Sofriam a agricultura e a energia: era dos subprodutos agrícolas que se tirava eletricidade barata. Windle pensou então em montar um sistema que aproveitasse a força do mar para produzir energia e, depois de oito anos de testes, conseguiu colocá-lo em funcionamento. Sem poluição ou qualquer outra interferência no meio ambiente, o sistema envolve várias bóias que movimentam pistões presos no fundo do mar. Conforme passam as ondas, as bóias sobem e descem, enchendo os pistões de água e esvaziando-os. Essa água é bombeada para um tanque acima do nível do mar. Quando a água escoa do tanque, movimenta uma turbina que gera eletricidade, tal qual uma usina hidrelétrica em pequena escala.

Publicidade