Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Tech: os 4 gadgets mais legais de junho

Um adesivo que mede o nível de hidratação do corpo, o cubo mágico com Bluetooth e aplicativo, um Kindle maior e com caneta - e o patinete elétrico que alcança 100 km/h.

Por Bruno Garattoni 17 jun 2021, 09h25

Sensor de hidratação

O Gatorade GX Sweat Patch deve ser colado na parte de dentro do antebraço antes de fazer exercício. Ele mede duas coisas: quanto líquido você perdeu e o teor de sódio no seu suor, indicando a quantidade que precisa ser reposta. Isso pode ser feito bebendo Gatorade (cujo fabricante criou o patch), água de coco ou suco de fruta. Para ver os resultados, basta escanear o patch usando um app (para Android e iOS). O pacote com dois patches, descartáveis, custa US$ 25.

Foto do tablet reMarkable 2.
reMarkable/Reprodução

Um Kindle maior e com caneta

O tablet reMarkable 2 tem tela de papel eletrônico, como o Kindle. Mas ela é maior, tem 10,3 polegadas, e além de ler permite escrever. O tablet pode ser usado como caderno e para fazer anotações em documentos PDF, ou seja, é ótimo para estudar (também dá para enviar textos da internet direto para o aparelho, usando uma extensão do Google Chrome). A bateria dura até três semanas (usando 3h por dia). Parece muito bom. Só não é barato: o produto custa US$ 400, mais US$ 50 pela caneta (ou US$ 100 pela versão Plus, com uma “borracha” digital) e US$ 70 pela capinha.

Foto Rubik’s Connected Cube ao lado de um celular.
Rubik's/Reprodução

Para dominar o cubo mágico

O Rubik’s Connected Cube (US$ 60) se comunica, via Bluetooth, com um aplicativo de celular – que ensina, passo a passo, um método infalível para alinhar todas as peças. Depois de ficar craque no cubo mágico, também dá para enfrentar os jogos e desafios do app, como o speed cubing (competição online para ver quem resolve o cubo em menos tempo) e o cube hero: uma espécie de Guitar Hero, só que com o cubo no lugar da guitarra.

Foto do patinete eSkootr S1-X.
eSkootr Championship/Reprodução

O patinete de 100 km/h

Essa é a velocidade alcançada pelo patinete elétrico eSkootr S1-X, que possui dois motores de 6.000 watts, um em cada rodinha. Mas você não o verá barbarizando as ciclovias e calçadas das cidades; ele foi criado pela Williams Advanced Engineering (da equipe de Fórmula 1 homônima) para o eSkootr Championship, que pretende disputar sua primeira temporada neste ano. As corridas terão seis pilotos, serão disputadas em circuitos de 400 a 1.000 metros, e vão durar de oito a dez minutos – no limite da bateria do patinete, que dura 12 minutos. As datas e os locais ainda não foram definidos.

Continua após a publicidade
Publicidade