Planeta Sustentável Planeta Sustentável

Por Atualizado em 29/05/2015

a-diversidade-sob-holofotes-mundo-moda-625

Ser diferente é legal. Esta é a imagem que a canadense Chantelle Winnie tem passado ao mundo desde que se tornou a modelo oficial da marca espanhola de roupas Desigual. Portadora de vitiligo, a jovem que tem manchas brancas espalhadas pelo corpo e rosto, enfrentou muito preconceito antes de ser descoberta por um reality show da televisão americana.

Assim como ela, outras modelos fora dos padrões irreais do universo fashion têm aparecido em campanhas publicitárias de alguns estilistas. É o caso das simpáticas senhoras italianas, que posaram para a Dolce & Gabbana.

A diversidade finalmente começa a ganhar espaço na passarela. Saiba mais sobre a história da modelo Chantelle e como ela vem influenciando o debate no universo fashion na matéria completa no Blog da Redação do Planeta Sustentável.

 

Leia também:
Reality show leva blogueiros de moda para trabalhar em fábrica de roupas no Camboja

Escravo chinês denuncia trabalho forçado por meio de bilhete escondido em brinquedo
App contra o trabalho escravo

Fotos: divulgação Desigual

Por Atualizado em 27/05/2015

Não há como resistir ao olhar de um cãozinho que te segue na rua. A ONG britânica Battersea Dogs & Cats sabe disso e fez uma campanha para derreter qualquer coração.

A ação Looking for You* (Procurando você, em tradução livre), feita em um shopping de Londres, distribuiu panfletos com chips que indicavam a localização de quem os recebeu para acionar outdoors interativos. De acordo com a proximidade e direção, o chip liberava a exibição de vídeos já prontos com um cachorrinho, dando a sensação de que ele seguia possíveis donos.

Ficou interessado em saber mais sobre a campanha? Leia o texto completo no Blog da Redação do Planeta Sustentável.

*Looking for you

Leia também:
Câmera GoPro em cachorro mostra dura vida dos animais de rua
Adoção de animais de rua rende desconto nos impostos dos italianos
“SAMU veterinário” socorre animais de rua em cidades brasileiras
Em SC, prefeitura vai dar desconto no IPTU para quem adotar animal abandonado
Amigos para Sempre: ação combate abandono de animais

Por Atualizado em 26/05/2015


Para incentivar a população a praticar a reciclagem, a prefeitura de Porto Alegre (RS) lançou um projeto muito bacana, chamado Troca Solidária. É fácil participar: basta levar lixo reciclável –metais, plásticos, vidros, papéis e embalagens longa vida – para um posto de coleta e trocá-lo por livros ou hortifrutigranjeiros.

Simples, mas genial, não? Além de conscientizar sobre os resíduos sólidos, a iniciativa também pretende incentivar as pessoas a lerem mais. E o melhor é que a comunidade também se beneficia de outras formas. Por exemplo, bibliotecas públicas também receberam livros doados para a ação e o entorno da comunidade foi limpo e ganhou um jardim. Leia o texto completo no Blog da Redação do Planeta Sustentável.

Leia também:
8 estados brasileiros trocam lixo reciclável por desconto na conta de luz

Greenbean Recycle paga por materiais recicláveis. É só depositar!
Menino de dez anos cria empresa de reciclagem e doa lucro para crianças sem-teto
Separar o lixo pode render descontos na conta de luz

Fotos: Ivo Gonçalves/PMPA

Por Atualizado em 22/05/2015

que-tal-pedalar-numa-bike-eletrica-movida-energia-solar-625

A ideia do engenheiro dinamarquês Jesper Frausig é fantástica: unir a bicicleta com uma fonte renovável de energia. O resultado é a Solar Bike. A invenção está concorrendo a um dos prêmios mais importantes do mundo no setor de design e inovação para a sustentabilidade, o Index – Design to Improve Life 2015.

Segundo Frausig, além de ajudar na mobilidade urbana, o objetivo da bicicleta é estimular pessoas idosas a pedalar mais e servir de meio de transporte para serviços de entrega.

Com autonomia para até 70 quilômetros, a bike é recarregada através de células solares instaladas nas rodas. Gostou? Confira a reportagem  completa no Blog da Redação do Planeta Sustentável

Leia também:
Faça sua bike ficar elétrica
Esta bicicleta elétrica já faturou R$ 9 milhões no site de crowdfunding Indiegogo
Novas bicicletas elétricas têm integração com smartphone

Foto: divulgação Solar Bike

 

Por Atualizado em 20/05/2015

Que tal sacar água em vez de dinheiro do caixa eletrônico? A ideia parece maluca, mas é uma ótima solução para regiões que enfrentam problemas de escassez e de má distribuição dos recursos hídricos entre os habitantes. A província de Punjab, no Paquistão, ganhará uma máquina chamada Wrind*. Com ajuda de um cartão de crédito, os cidadãos poderão coletar até 30 litros por dia do aparelho.

A tecnologia é do Laboratório de Inovações para Aliviar a Pobreza de Lahore* (IPAL Lab, na sigla em inglês) em parceria com o governo de Punjab e a empresa Saaf Pani. Ficou interessado em saber mais sobre esse projeto inovador? Leia o texto completo no Blog da Redação do Planeta Sustentável.

*Wrind
*Laboratório de Inovações para Aliviar a Pobreza de Lahore 

Leia também
8 invenções geniais para economizar ou purificar água
Escultura inspirada em árvore africana produz água potável para comunidades carentes
Parque reciclado flutuante limpa lixo plástico do rio, nos Países Baixos
Sistema de tratamento ecológico recupera rios poluídos e cria jardins flutuantes