Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Contando Ninguém Acredita Por Blog As notícias mais bizarras e surreais do mundo

Detentos pedalam para produzir energia elétrica em presídio de MG

Por Luiza Sahd Atualizado em 4 jul 2018, 20h33 - Publicado em 25 jul 2012, 17h08


Dizem que cabeça vazia é a oficina do diabo. Deve ter sido com base nessa ideia que um juiz de Santa Rita do Sapucaí (MG) resolveu transformar  presos de bom comportamento em produtores de energia elétrica.

A engenhoca funciona assim: duas bicicletas ficam no pátio do presídio. Por correias, as pedaladas geram a energia que carrega um par de baterias. No guidão, um aparelho indica a hora de parar. Depois de carregadas, as baterias são levadas até o centro da cidade. À noite, a energia produzida ilumina parte de uma praça de Santa Rita.

No presídio, o projeto foi criticado, mas depois ganhou a adesão dos detentos. Outras oito bicicletas devem ser instaladas. “Controla um pouco da ociosidade, e a cada 16 horas pedaladas eles têm um dia a menos na pena”, aponta o juiz.

Nenhum detento é obrigado a participar do projeto, mas alguns animaram produzir energia com frequência depois de notar um corpinho mais sarado.

Pedalando o dia inteiro, eles conseguem produzir energia para acender seis lâmpadas. Quando o presídio tiver dez bicicletas funcionando, a cidade  ganhará carga suficiente para iluminar toda a avenida. Veja como funciona:

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=Ay5AXzst8hc?wmode=transparent&fs=1&hl=en&modestbranding=1&loop=0&iv_load_policy=3&showsearch=0&rel=1&theme=dark&w=425&h=344%5D

 

Continua após a publicidade

Publicidade