GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Cientistas estão pintando vacas como se fossem zebras – entenda o porquê

Pesquisadores japoneses queriam saber se as listras poderiam desempenhar nas vacas a mesma função que exercem nas zebras. E a resposta é sim.

Pode parecer apenas uma decoração natural, mas as listras das zebras desempenham uma importante função: repelir insetos. Diversos estudos já comprovaram isso, inclusive afirmando que as listras pretas e brancas são efetivas também para a proteção em humanos algumas tribos africanas usam pinturas corporais listradas justamente por isso, aliando significado cultural a uma função benéfica.

Os cientistas ainda não sabem ao certo porque moscas e outras criaturas sugadoras de sangue evitam superfícies listradas em preto e branco, mas estudos sugerem que as listras causam uma certa ilusão de ótica incômoda na visão dos insetos, por isso eles preferem evitar.

De uma forma ou de outra, o importante é que funciona. E como moscas que picam (pertencentes ao gênero Tabanidae) são pragas graves para as vacas, e causam perdas econômicas na produção animal, cientistas japoneses resolveram testar se as listras também são efetivas nesses ruminantes.

No estudo, publicado no periódico Plos One, a equipe de pesquisadores recrutou seis vacas pretas e as pintou de diferentes formas: 2 delas com listras pretas e brancas, 2 só com listras pretas (sobre a cor natural dos bichos) e 2 sem pintura nenhuma, para servir de grupo controle.

As vacas foram observadas em relação a comportamentos repelentes à moscas (arremessos de cabeça, batidas nos ouvidos, contração das pernas, espasmos na pele e movimentos da cauda) e o número de moscas pousando em seus corpos foi contado.

O resultado foi claro: enquanto as vacas não pintadas ou apenas com listras pretas sofreram mais de 110 picadas em 30 minutos, as vacas com listras pretas e brancas sofreram menos de 60 picadas no mesmo período. Eles também viram uma diminuição de 20% no comportamento típico de repelir moscas nas vacas pintadas como zebras. Ou seja, elas eram menos incomodadas por esses insetos.

A equipe de pesquisadores acredita que essas listras artificiais poderão, no futuro, ser usadas como uma maneira melhor de combater moscas do que os pesticidas tradicionais. Além de serem mais baratas, as faixas são atóxicas e saudáveis ​​para o gado   e prejudicam menos o meio ambiente.