GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Como cozinhar sem fogo no laboratório

É possível ferver a água sem aquecê-la?

Não é só o calor que determina o estado físico das substâncias. A pressão também tem um papel importante. Se ela for muito baixa, um copo d’água vira vapor mesmo a uma temperatura de 25 graus Celsius, pois as moléculas perdem parte da força que as mantém unidas. “Com espaço para se movimentar, elas podem até evaporar”, explica o físico Adriano Natale, da Universidade Estadual Paulista. Ao nível do mar, é preciso esquentar a água a 100 graus Celsius para fervê-la. Em São Paulo, com altitude média de 690 metros, o ponto de ebulição cai para 98 graus Celsius. A uma altura de, 25 000 metros, três vezes maior do que a do Monte Everest, um copo d’água viraria vapor a 25 graus Celsius. A experiência só é possível em laboratório (veja infográfico), pois o frio lá em cima é de 70 graus Celsius negativos. Nessa temperatura, em vez de virar gás, a água congela.

Pressão baixa faz mágica

Em laboratório, dá para evaporar a água em temperatura ambiente

1. A 25 graus Celsius, sob a pressão equivalente a 1 atmosfera (nível do mar), as moléculas da água ficam compactadas e ela permanece no estado líquido.

2. Retirando-se o ar do tubo com uma bomba de vácuo, a pressão é reduzida para 0,03 atmosfera. Aí, as moléculas da água desgrudam e ela vira vapor mesmo a 25 graus Celsius.