GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Garota escreve carta à Nasa pedindo que Plutão volte a ser planeta

Cara Lucy O’Connor deseja se tornar uma astronauta um dia – e batizar um corpo celeste de ‘Planeta Unicórnio’. A Agência Espacial respondeu

Cara Lucy O’Connor tem uma missão: transformar Plutão em um planeta novamente. Para isso, a irlandesa de seis anos (você não leu errado) escreveu uma carta para a Nasa (você também não leu errado) pedindo para a Agência Espacial trazer a antiga classificação do ‘planeta anão’ de volta.

Revoltada, a criança tentou ser o mais convincente possível em seus argumentos. “Eu realmente acho que Plutão deveria ser um planeta de novo, como Mercúrio, Vênus, Terra, Marte, Júpiter, Saturno, Urano e Netuno, porque eu assisti um vídeo chamado ‘Vamos Conhecer Os Planetas’ e Plutão estava no fim. Em outro vídeo, porém, Plutão estava na lata de lixo e foi assustado pela Terra. Isso foi muito feio”, declarou em sua exposição.

Cara Lucy O’Connor quer que Plutão volte a ser planeta. E, um dia, vai batizar seu próprio: “Planeta Unicórnio”.

Cara Lucy O’Connor quer que Plutão volte a ser planeta. E, um dia, vai batizar seu próprio: “Planeta Unicórnio”. (Glasheen Girls School/Reprodução)

A menina, que sonha em se tornar uma astronauta, nomear um novo corpo celeste de “Planeta Unicórnio” e visitar todos os planetas da Via Láctea – incluindo Plutão –, recebeu uma resposta da Agência Espacial.

A carta, no fim das contas, chegou às mãos de James Green, diretor da Divisão de Ciência Planetária da Nasa. “Concordo que Plutão é muito legal. É um mundo fascinante que parece estar mudando o tempo inteiro. Para mim, a coisa mais importante não é se Plutão é um planeta anão: é que ele é um lugar incrível que precisa continuar a ser estudado”, escreveu o cientista. “Espero que você descubra um novo planeta um dia, e confio que se você continuar indo bem na escola, a verei na Nasa qualquer dia desses.”

Carly Howett, cientista envolvido na missão New Horizon, que tem como objetivo explorar Plutão, também escreveu um bilhete para a pequena irlandesa depois de descobrir sua missão. “Senti que poderia ter sido eu naquela idade. É importante que a chama desse sonho não seja apagada”, afirmou ao jornal norte-americano Washington Post.

Confira a carta completa de Cara abaixo – e em tradução livre.

“Para a Nasa
Meu nome é Cara Lucy O’Connor. Eu sou de Cork, na Irlanda. Tenho cinco anos de idade e estudo na escola infantil Glasheen Girls School. Recentemente, me tornei muito interessada em astronomia porque comecei a assistir a vídeos sobre o Espaço Sideral.
Estou escrevendo para você (com a ajuda de minha professora, Sra. O’Donovan, porque ainda estou aprendendo a escrever todas as palavras) porque tenho uma preocupação. Eu ouvi uma música e no final dela falavam ‘Tragam Plutão de volta’ – e eu queria que isso acontecesse. Plutão foi reclassificado em 2006. Plutão era um planeta e eu acho que isso era justo e que não é justo que Plutão não seja mais um planeta. Agora ele é um planeta anão. Um planeta anão é um tipo de planeta que não é grande o suficiente para clarear sua própria órbita. Alguns dos planetas anões estão localizados no cinturão de Kuiper e há pedras e asteroides lá também.
Eu realmente acho que Plutão deveria se tornar um planeta novamente como Mercúrio, Vênus, Terra, Marte, Júpiter, Saturno, Urano e Netuno porque eu vi um vídeo chamado ‘Vamos Conhecer os Planetas’ e Pluto estava incluído no fim. Também ouvi algumas músicas sobre Plutão e em um dos vídeos as pessoas estavam vestidas como planetas diferentes, e Plutão estava na lata de lixo e foi assustado pela Terra. Isso foi muito maldoso porque nenhum planeta, anão ou não, deveria ser colocado na lata de lixo.
Eu realmente gostaria que todo mundo na Nasa mudasse de ideia e tornasse Plutão um planeta novamente. Quando eu fizer seis anos, espero descobrir um planeta e batizá-lo de Planeta Unicórnio e gostaria de visitar todos os planetas, inclusive Plutão. Torço para que um dia me torne uma astronauta e trabalhe para a Nasa mas vocês precisam consertar esse problema para mim.
Eu realmente amaria se vocês pudessem responder essa carta em breve.
Muito amor,
Cara-Lucy O’Connor.

P.S. Eu serei ‘Cachinhos Dourados’ na peça escolar do verão na minha escola se quiserem vir me assistir.”