GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Gatos: por dentro e por fora

Tudo que você sempre quis saber sobre o seu bichinho (mas estava ocupado demais postando fotos dele no Instagram para perguntar).

Society of Publication Designers: O infográfico abaixo, originalmente publicado na revista Mundo Estranho, foi a única reportagem brasileira finalista no SPD, o maior prêmio de design do mundo, em 2019.


Original de fábrica

Os triunfos evolutivos que garantiram o sucesso do felino– na natureza e na vida doméstica.

Pelos
Além da função óbvia de manter o isolamento térmico, também são usados para intimidar: num confronto, eles se eriçam para fazer o gato parecer maior.

Limpeza
Gatos passam pelo menos cinco horas diárias se lambendo. Assim, removem o excesso de pelos na troca da estação e reduzem a temperatura do corpo.

Músculos
Sua musculatura é bastante incomum – pode se expandir e se contrair como uma mola, o que garante uma enorme explosão muscula. Isso permite aos gatos saltar até sete vezes a própria altura ou acelerar a quase 50 km/h em distâncias curtas.

Espáduas
Gatos não têm ossos da clavícula – só uma pequena cartilagem ligada aos músculos. Resultado: passadas mais largas na corrida e habilidade de se enfiar em buracos estreitos.

Veja também

Cauda
Formada por 18 a 23 vértebras, concentra cerca de 10% de todos os ossos do animal.

Órgão sexual
O pênis dos gatos está repleto de pequenos espinhos queratinizados, que servem para estimular a ovulação das fêmeas.

Fofura de matar

Com sentidos superapurados, os gatos conseguem ser um dos melhores caçadores entre os mamíferos.

Vibrissas
Os “bigodes” são mais longos e três vezes mais espessos do que seus outros pelos. Eles são detectores precisos de vibrações na terra e no ar. Por isso, gatos percebem abalos sísmicos à distância – e são capazes de detectar mudanças minúsculas na orientação e força do vento.

Olfato
É bem menos apurado que o dos cãe, mas permite até identificar o sexo ou o tamanho de outro animal pelo cheiro.

Audição
Nossa orelha tem seis músculos. No gato, são 32, que podem ser movidos de modo independente. Conforme a intensidade relativa do ruído em cada ouvido, o bicho sabe para onde virar a cabeça.

Paladar
Por ser só carnívoro, o gato não desenvolveu a percepção do sabor doce. Nem um bom aproveitamento de carboidratos, como outros mamíferos.

Visão
Gatos só enxergam com nitidez a até 6 m de distância. Em compensação, o campo de visão deles é de 200o, enquanto o do ser humano é de 180o.

Células fotossensíveis
Eles têm 6 a 8 vezes mais delas do que você. Por isso, caçam bem à noite, e você não.

Pupilas
Conseguem se fechar quase totalmente durante o dia, porque o gato é muito sensível à luz. À noite, inversamente, se abrem mais do que as nossas.

Espectro de luz
Eles podem ver frequências de luz que os olhos humanos não enxergam – tons de azul que não existem para nós, por exemplo. Por outro lado, não conhecem o vermelho, o marrom e o laranja – esses viram cinza ou preto para o gato.

O novo livro da SUPER, Gato: Um Deus para Chamar de Seu, já está disponível em bancas, livrarias e na Amazon!

Produtos de Amazon.com.br