GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Nos EUA, 90% dos jovens entre 15 e 21 anos são estressados

Pesquisa aponta que violência armada, política e problemas pessoais estão entre as causas na chamada "Geração Z"

Segundo o relatório anual Stress in America, feito pela Associação Americana de Psicologia, os membros da chamada “Geração Z” (pessoas de 15 a 21 anos) possuem a pior saúde mental de todas as gerações. O estresse está presente em 90% dos jovens norte-americanos.

As supostas causas incluem a onda crescente de violência armada, a insegurança política e problemas de cunho pessoal.

Na pesquisa, 75% das pessoas da Geração Z, muitas ainda em idade escolar, alegaram que o receio de tiroteios em massa é uma fonte significativa de estresse. E o temor da violência armada pode ser ainda mais específico: 72% disseram que o medo de tiroteios nas escolas desencadeia muito estresse. As famílias concordam: 74% dos pais incluídos na pesquisa consideraram a possibilidade de uma invasão a tiros nos colégios como uma fonte constante de estresse.

Outras questões atuais, desde o aumento das taxas de suicídio, de assédio sexual até a separação de membros de famílias imigrantes, também provocam mais estresse entre os mais jovens do que em outras gerações. De acordo com o relatório, 62% da geração Z dizem que o aumento das taxas de suicídio é uma fonte de estresse, contra 44% dos adultos em geral; 53% disseram o mesmo sobre assédio e assédio sexual, comparado a 39% dos adultos em geral; e 57% dos jovens foram enfáticos na questão das separações familiares entre imigrantes, em comparação com 45% dos adultos de gerações mais velhas.

Mas não são apenas as notícias que elevam o nível de estresse: trabalho, finanças e preocupações relacionadas à saúde perturbam mais adultos da Geração Z do que adultos em geral, diz o relatório. O dinheiro era a fonte mais comum de estresse: afeta 81% dos adultos da Geração Z e 64% dos adultos em geral. E as mídias sociais também não parecem estar ajudando — enquanto cerca de metade dos jovens disseram que era uma fonte de apoio, outros 45% alegaram que as redes fazem com que eles se sentissem julgados, e 38% disseram que isso os fez se sentirem mal com eles mesmos.

A dificuldade de lidar com o estresse foi encontrada em todas as gerações. A pesquisa se baseou em quase 3.500 entrevistas com pessoas de 18 anos ou mais, além de 300 entrevistas com adolescentes de 15 a 17 anos.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s