Assine SUPER por R$2,00/semana
Imagem Blog

Oráculo

Por aquele cara de Delfos
Ser supremo detentor de toda a sabedoria. Envie sua pergunta pelo inbox do Instagram ou para o e-mail maria.costa@abril.com.br.
Continua após publicidade

Por que as janelas de avião têm as laterais arredondadas?

Uma coisa a gente garante: você não ia gostar de andar em um avião de janelas quadradas.

Por Bruno Vaiano Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 30 dez 2020, 18h58 - Publicado em 23 jan 2019, 13h28

Quanto maior a altitude alcançada por um avião, mais rarefeita é a atmosfera e menos oxigênio há para respirar. Por isso, o ar no interior da cabine é comprimido até alcançar uma concentração de oxigênio próxima da do nível do solo – um processo chamado pressurização. O primeiro avião de passageiros com essa tecnologia, ainda com hélices, foi o Boeing 307 Stratoliner, de 1938. Isso o permitia voar a mais de 6 mil metros de altitude, acima das nuvens e também do grosso da turbulência.  

A fuselagem de um avião desse tipo precisa ser forte o suficiente para evitar que o ar pressurizado escape, e janelas quadradas são um ponto fraco: toda a pressão se acumula nos cantos, que ficam sujeitos a rachaduras. Se as janelas se rompem, a cabine perde pressão muito rápido e o avião pode se desintegrar – uma tragédia que se repetiu duas vezes com o primeiro avião comercial a jato de janelas quadradas, o de Havilland Comet, de 1949. Ele passava de 10 mil metros de altitude.  

A solução foi adotar a forma redonda – em que a pressão se distribui igualmente pelo perímetro da janela, evitando rupturas. Deu tão certo que é assim até hoje. 

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.