Clique e assine a partir de 8,90/mês

Atores confinados: 6 filmes que se passam em um único cenário

Eles são a prova de que é possível criar boas histórias mesmo “sob quarentena”. Veja alguns dos melhores exemplos da história.

Por Rafael Battaglia - 1 jun 2020, 09h43

Baixo orçamento e muita criatividade. Essa é a receita para filmes feitos quase exclusivamente em um único cenário. Nessa lista selecionamos alguns exemplos. Saiba mais sobre eles – e onde assisti-los.

Maria Pace/Superinteressante

1 – Janela Indiscreta (1954)

Onde assistir? Google Play, YouTube e Telecine Play

Um fotógrafo quebra a perna e passa a acompanhar a vida dos vizinhos pela janela – até suspeitar de um assassinato. Seis anos antes, o diretor Alfred Hitchcock tinha feito Festim Diabólico, que também se passa quase exclusivamente em um apartamento.

2 – Doze Homens e Uma Sentença (1957)

Onde assistir? iTunes e Telecine Play

Em uma sala, 12 jurados debatem um caso de assassinato. A decisão deve ser unânime, mas um deles não quer condenar o réu. Dos 96 minutos de filme, apenas três se passam em outros cenários. E é uma obra-prima.

3 – Enterrado Vivo (2010)

Onde assistir? YouTube

Continua após a publicidade

Sequestrado por terroristas, Paul (Ryan Reynolds) acorda dentro de um caixão, apenas com um celular e um isqueiro. Todos os 94 minutos acontecem ali dentro – mesmo assim, o filme é ótimo.

4 – Locke (2013)

Onde assistir? Google Play e YouTube

Gravado em oito noites, mostra Ivan (Tom Hardy) em uma viagem de carro. Ele precisa ligar para sua mulher para falar sobre uma traição. Outros atores, como Tom Holland, participam apenas com suas vozes.

5 – Dogville (2003)

Onde assistir? Google Play (em inglês) e YouTube

Apesar de contar a história de uma pequena cidade fictícia dos EUA, todo o filme de Lars von Trier se passa em um palco, com riscos no chão para delimitar as casas, como numa peça de teatro. E convence.

6 – Meu Jantar com André (1981)

Onde assistir? Mubi e YouTube

Sentados em torno de uma mesa de restaurante, dois amigos, um ator e um diretor teatral, discutem sobre a vida e a arte. Gravado em um hotel abandonado, custou apenas US$ 1,2 milhão em valores atuais.

Continua após a publicidade
Publicidade