GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Conversamos com Joonas Suotamo sobre “Han Solo: Uma História Star Wars”

O spin-off, que narra os primeiros momentos da amizade entre Solo e Chewbacca, chega aos cinemas em 24 de maio

Treze centímetros mais baixo do que o Chewbacca original, o jogador de basquete finlandês Joonas Suotamo, 2,08 m, novamente faz o papel do copiloto da Millennium Falcon. Ele estrela o spin-off Han Solo: Uma História Star Wars, sobre o começo da amizade de Solo e Chewie. Conversamos com o gigante.

 (Lucasfilm/Reprodução)

Você imitava o Chewbacca antes de ser escolhido para o papel?
Engraçado que não. Quando comecei como Chewbacca, ninguém me pediu para fazer o grunhido – e eu estava louco para impressionar o Harrison Ford. Mas não sei se ele ficou impressionado (risos). Neste filme, eu queria surpreender o Alden Ehrenreich (Han Solo), porque seria a primeira vez que ele veria um wookiee fantasiado. Quando fiz os trejeitos do Chewbacca na frente dele, ele ficou bastante tocado.

Como foi a preparação? O Peter Mayhew [o Chewbacca original] te deu alguma dica?
Tivemos um intensivo de uma semana. Assistimos a vídeos e ele me ensinou a andar com o peito estufado, manter os braços relaxados, fazer o grunhido e me mover com o traje. Me senti como no basquete quando vemos vídeos para analisar a performance dos adversários. Peter não me deu só sua benção, me deu ensinamentos muito úteis e precisos.

O filme mostra a juventude dos personagens. Veremos um Chewie mais rebelde, adolescente?
Os wookiees têm uma expectativa de vida de 400 anos. Como nos filmes vemos o Chewie apenas em um intervalo de 20 ou 30 anos, não é o suficiente para notar o envelhecimento ou a juventude dele. Mas esse é um filme de aventura, audacioso e divertido. Sem dúvida, os momentos desse filme são determinantes para formar o que o Chewbacca é.

Você recebeu algum treinamento para pilotar a Millennium Falcon?
Tivemos a ajuda de pilotos que nos deram lições de voo. Foi muito interessante filmar na nave, porque todos os botões e alavancas são reais. Nada acontece, mas você pode apertar tudo. O problema é que o set era muito apertado, esbarrei e quebrei tantas coisas durante a filmagem (risos). O design da Millennium Falcon dá a sensação de que você está pilotando uma nave espacial, porque você não está diante de um fundo azul, e o espaço é projetado na sua frente.

Han Solo: uma História Star Wars, 24 de maio nos cinemas.