GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Livros

Esporte sob suspeita

Os senhores dos anéis – Poder, dinheiro e drogas nas Olimpíadas modernas, Vyv, Simson e Andrew Jennings, Editora Best Seller, 1992

As Olimpíadas modernas tornaram-se o brinquedo predileto das grandes multinacionais, que patrocinam atletas fazendo vista grossa ao doping e ao oportunismo dos dirigentes esportivos. A denúncia, feita pelos jornalistas ingleses Vyv Simson e Andrew Jennings após uma profunda investigação nos bastidores do esporte, acabou virando livro, às vésperas dos jogos Olímpicos de Barcelona. Os autores contam as sucessivas intrigas nos escalões administrativos e os escândalos do uso de drogas por pressões de patrocinadores, revelando histórias que, com certeza, devem causar arrepios tanto nos atletas quanto nos cartolas.

Herói ou vilão?

Retrato histórico de Cristovão Colombo, Marianne Mahn-Lot: Colombo, o mito desvendado, Hans Koning: A conquista do paraíso, Cristovão Colombo e seu legado, Kirkpatrick Sale; JorgeZahar editor, rio de Janeiro, 1992

O tema é o mesmo. Os enfoques é que são diferentes. Na estréia das comemorações dos 500 anos do descobrimento da América, a Zahar lançou três biografias do polêmico navegador genovês que queria chegar as Índias e acabou descobrindo a América. Na primeira, Marianne Mahn-Lot revela um Colombo religioso, medieval e ao mesmo tempo moderno, com espírito de aventura, que registrava minuciosamente tudo o que via. Já na segunda, Hans Koning mostra que ele não era o herói corajoso e visionário, que aprendemos a admirar na escola. Ao contrário, para o autor, Colombo tinha incorporado a ganância e a crueldade do inicio do imperialismo europeu. Também nessa linha, de desfazer o mito do herói, Kirkpatrick Sale traça um perfil um pouco diferente do de Koning, retratando um homem sem raízes e solitário, produto de uma Europa doentia e de uma história de pilhagens, que jamais compreendeu o mundo que descobria.


Para professores e pais

A droga, a escola e a prevenção, Salete Maria Vizzolto, Editora Vozes, Petrópolis, 1991

Embora a tarefa seja bastante complexa, só uma mudança na prática da educativa das escolas, orientando e esclarecendo professores e depois os pais, pode prevenir o uso abusivo de drogas entre alunos do 1° e 2° graus. Essa é, em suma, a proposta da socióloga Salete Vizzolto, resultado de estudos, debates e cursos e seminários com educadores, orientadores e supervisores educacionais. Na primeira parte do livro, a autora faz um resumo sobre os principais tipos de drogas, seus efeitos sobre o organismo e explica conceitos como droga, abuso, dependência física e psíquica, em linguagem acessível.

O melhor de Asimov

Antologia, Isaac Asimov, Editora Nova Fronteira, Rio de Janeiro, 1992.

Este é o primeiro de dois volumes de ensaios – 32 ao todo – escolhidos entre aqueles que o autor considerava serem os mais representativos de seus 33 anos de carreira, encerrada com sua morte em abril deste ano. Criativo, bem-humorado, o químico russo, naturalizado americano, Isaac Asimov começou a escrever para a revista americana Fantasy and Science Fiction em 1958, e, a partir daí, tornou-se um dos mais renomados e conhecidos escritores de ficção e divulgação científica.