Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Mão na massa

Ele salpica 140 novas perguntas e respostas para explicar a química da cozinha e o uso de seus infindáveis utensílios jogados no fundo do armário.

Por Da Redação Atualizado em 31 out 2016, 18h25 - Publicado em 31 jan 2006, 22h00

Bruno Vieira Feijó

O que Einstein Disse a seu Cozinheiro 2

Robert Wolke, Jorge Zahar, R$ 44,50, 352 páginas

O açúcar mascavo não é mais saudável que açúcar refinado, batatas não servem para amenizar o excesso de sal da comida e nem todas as bactérias morrem a 100 oC. Esses e outros mitos culinários são demolidos na continuação do best seller de Robert Wolke. Ele salpica 140 novas perguntas e respostas para explicar a química da cozinha e o uso de seus infindáveis utensílios jogados no fundo do armário.

Frase: “Como bem escreveu Miguel de Cervantes em Dom Quixote, a fome é o melhor tempero do mundo.”

Para quem acredita que há ciência numa panela.

Continua após a publicidade
Publicidade