GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

O que é o “símbolo dos Illuminati” na nota de 1 dólar?

Pirâmide com olho é o centro de inúmeras teorias da conspiração, mas sua verdadeira origem é outra; entenda

Uma pirâmide com um olho no topo, cercada pelos enigmáticos dizeres “annuit coeptis” e “novus ordo seclorum”. Vamos admitir: o verso da nota de um dólar é um prato cheio para teorias conspiratórias. A mais comum diz que se trata de um símbolo dos Illuminati, a sociedade secreta que supostamente controla o mundo. Nada disso. Mas a verdade sobre essa figura é tão interessante quanto a ficção.

Primeiro, uma palavra sobre os illuminati: eles já existiram, sim, mas não como se imagina. Em 1776, o jurista alemão Adam Weishaupt criou a Ordem dos Illuminati da Baviera, uma sociedade secreta inspirada na maçonaria, mas com ideais iluministas. Ela durou até 1784, quando as sociedades secretas foram proibidas pelo príncipe alemão Karl Theodor (Carlos Teodoro). E acabou aí. Hoje existe uma sociedade mística, a Ordo Templi Orientis, que utiliza a palavra “illuminati” para designar seus membros. Mas é um grupo relativamente pequeno, sem a influência político-econômica que se atribui ao termo. As histórias sobre a “nova ordem mundial” supostamente urdida por illuminati não têm nexo.

O símbolo na nota de um dólar, por sua vez, não têm relação com os illuminati (tanto os imaginários quanto os reais). Ele se chama Olho da Providência, ou Olho que tudo vê, e representa o olho de Deus observando a humanidade. O símbolo surgiu durante a Renascença: uma de suas primeiras aparições conhecidas é no quadro A Ceia em Emaús, pintado pelo italiano Pontormo em 1525 (não confundir com a versão de Caravaggio, que não tem o símbolo). O olho acabou sendo adotado pelos maçons, e também faz parte do selo oficial dos EUA, criado no final do século 18. Em 1935, chegou às notas de dólar.

Os dizeres “annuit coeptis” significam “ele aprova”, e simbolizam a aprovação de Deus às empreitadas humanas. Já “novus ordo seclorum” quer dizer “nova ordem dos séculos”, e deriva de um poema do escritor romano Virgílio, que os cristãos interpretam como menção ao surgimento de Jesus. O triângulo, por sua vez, representa a santíssima trindade (pai, filho e espírito santo).

Em suma: trata-se de um símbolo cristão, com menções à prosperidade. Só isso. Não há nenhuma conspiração por trás, mas ela não chega a fazer falta – a história real já é rica e interessante o suficiente.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

  1. Fabiano Andrade

    Não sabia que a super-desinteressante era chegada a desinformação. Já que é sabido que os maçons tem grande influência política nos EUA e sim foram os maços que introduziram estes símbolos nos documentos e nas notas de dólar. Os maçons creem em Deus e sim no deus cristão. O resto é baboseiras!

    Curtir

  2. A conclusão realmente desvirtua não só a realidade como o próprio texto. Os símbolos são maçons e não cristãos. Ler comentário do Fabiano Andrade.

    Curtir

  3. André de Souza

    Interessante como tem gente mundo à fora que gosta de alimentar teorias de conspiração! Uns dizem que a maçonaria, uma fraternidade mais obsoleta do que máquina de escrever, manda no mundo inteiro; outros, que a viagem à Lua foi uma grande farsa montada em estúdio cinematográfico e, pasmem, dirigida pelo Stanley Kubrick! Tem estúpido chegando a acreditar até que aTerra é plana! O que será que provoca este fenômeno? Falta do que fazer? Que GADU nos proteja!

    Curtir

  4. Que mentira!! Esses lixos (Illuminati) existem sim e em grande quantidade. Dominam o mundo, são satânicos e ainda tentam tapar nosso olhos com historinha pra otário acreditar…E se o dono dessa merda dessa revista não for um…cretinos!

    Curtir