Clique e assine a partir de 8,90/mês

Três notícias sobre… “remédios” contra Covid-19

Dejetos sagrados, uma receita da vovó e um tônico picareta.

Por SUPER - Atualizado em 21 abr 2020, 00h00 - Publicado em 17 abr 2020, 23h57

Santo cocô
Que a vaca é sagrada na Índia, você já sabe. Mas tem outra: há quem use a urina e o esterco do animal para curar doenças. Recentemente, um deputado do país sugeriu que eles poderiam servir ao combate do novo coronavírus. Um grupo nacionalista hindu, inclusive, organizou um evento em Déli para beber xixi de vaca e provar sua suposta eficácia.

Abraço de urso
A lista de tratamentos aprovada pela China conta com clássicos da medicina tradicional do país. Entre eles, uma injeção de bile de urso. Embora ela possa mesmo diminuir inflamações, não há eficácia comprovada para Covid-19. Além disso, a recomendação é contraditória: em 2020, o país decidiu banir o comércio de animais selvagens para consumo.

Prata da casa
Jim Bakker é um apresentador de TV dos EUA que passou anos preso por fraude. Mas isso não o impediu de divulgar a Silver Solution – fórmula à base de prata, “perfeita” para eliminar o novo coronavírus. Por sorte, os anúncios foram banidos, e Jim está sendo processado outra vez. O acúmulo de prata no corpo pode causar intoxicações graves e problemas de pele

Publicidade