Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Os sobreviventes do Titanic receberam indenização?

Não. Mas o dinheiro chegou de outro jeito.

Por Bruno Vaiano 19 ago 2019, 13h54

Não. Após o navio Carphatia aportar em Nova York com os 706 sobreviventes do naufrágio, os advogados da companhia White Star Line alegaram que o choque com o iceberg foi inevitável e conseguiram escapar da responsabilidade. 

As vítimas, felizmente, não ficaram desamparadas: Ernest P. Bicknell, diretor da Cruz Vermelha dos EUA, criou um fundo de amparo chamado Titanic Relief Fund, que arrecadou, via doações, US$ 161,6 mil – em valores atuais, isso dá Us$ 4,2 milhões, ou R$ 17 milhões.

A ideia cruzou o Atlântico, e a versão britânica do fundo arrecadou cerca de £ 413 mil – atualizando, ficamos com £ 46 milhões, quase R$ 250 milhões. De 1912 até 1959, o fundo fez doações anuais às vítimas.

A última sobrevivente da tragédia morreu em 2009. Mas se o amparo às vítimas foi falho, as seguradoras não foram: a White Star Line recebeu uma quantia de £ 1 milhão do seguro do navio com menos de um mês após o acidente, o que, corrigindo de acordo com a inflação, corresponde a mais de £100 milhões, ou quase R$ 500 milhões. .

Continua após a publicidade

Publicidade
História
Os sobreviventes do Titanic receberam indenização?
Não. Mas o dinheiro chegou de outro jeito.

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Transforme sua curiosidade em conhecimento. Assine a Super e continue lendo

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

App SUPER para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da Super. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da SUPER, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Receba mensalmente a SUPER impressa mais acesso imediato às edições digitais no App SUPER, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês

Publicidade