GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Que raio é carvão limpo?

A economia das maiores potências do mundo depende da energia das termoelétricas¿, afirma o economista Paul Joskow, do Instituto de Tecnologia de Massachusetts.

Texto Tiago Cordeiro

Esse nome esquisitão designa as técnicas de geração de eletricidade por usinas térmicas a carvão em que a emissão de CO2 é eliminada ou muito reduzida. Juntas, todas as termoelétricas emitem 25 bilhões de toneladas de gás carbônico todo ano, mas são importantes: “A economia das maiores potências do mundo depende da energia das termoelétricas”, afirma o economista Paul Joskow, do Instituto de Tecnologia de Massachusetts. A curto e médio prazo, eliminá-las está fora de cogitação. Para acabar com o CO2, a estratégia considerada mais promissora consiste em mandar o gás (que não é tóxico, mas contribui para aumentar o efeito estufa) para depósitos naturais no subsolo. “Essa é a técnica mais promissora que conhecemos agora. Se usada em larga escala, ela poderia reduzir as emissões de gás carbônico em 10 bilhões de toneladas por ano”, diz Paul.

Chaminés no subsolo

Usinas ambientalmente corretas jogam o gás carbônico lá pra baixo

A. CO2 é lançado em minas de carvão, de onde expulsa o metano – que ainda pode ser usado como combustível na usina.

B. O gás também pode ser jogado em minas de água salgada, imprópria para consumo humano

C. Outra alternativa é bombear o CO2 para reservas de petróleo. Ali, ele deixa de poluir o ar e facilita a extração de combustível.