Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

As histórias da Távola Redonda

Rei Artur foi uma das figuras mais populares da Idade Média — e talvez ele nem tenha existido

Por José Francisco Botelho
Atualizado em 15 fev 2018, 12h37 - Publicado em 31 mar 2004, 22h00

Há mil anos as lendas da Távola Redonda fascinam o mundo. Seu soberano, o rei Artur, foi uma das figuras mais populares da Idade Média: acreditava-se que ele voltaria dos mortos para governar a Inglaterra. Ainda hoje não se sabe se Artur existiu. Mas a ficção foi mais forte que a realidade e as fantásticas peripécias desse grupo continuam uma fonte de sonho, magia e aventura.

(Walter Crane/Domínio Público)

Fruto de Adultério

Uther Pendragon, rei da Inglaterra, apaixonou-se por Igraine, esposa do duque de Gorlois. Com a ajuda do mago Merlin, ele adotou a forma de Gorlois e desfrutou de uma noite com Igraine. Desse estranho adultério nasceu Artur

Rainha Guinevere

Guinevere, princesa de Cameliard, foi uma boa rainha, mas nunca amou seu marido. Apaixonou-se por Lancelot, e quando Artur descobriu, ela foi condenada à fogueira. Salva pelo amado, morreu num convento

Sir Lancelot

O cavaleiro mais cortês, valente e habilidoso viveu dividido entre o dever e a paixão: era leal ao rei, mas apaixonado pela rainha. Ao descobrir o adultério, Artur perseguiu-o com um grande exército, mas nunca conseguiu derrotá-lo

(Edmund Leighton/Domínio Público)

Sir Gawain

Filho de Morgause, era um dos guerreiros mais poderosos, célebre por ter decapitado o terrível Cavaleiro Verde. Era grande amigo de Lancelot, mas essa amizade teve um final trágico

Sir Agrawain

Irmão de Gawain, era ciumento e indiscreto. Invejoso de Lancelot, revelou ao rei Artur seu caso com a rainha Guinevere

Continua após a publicidade

Sir Ector

Foi esse empobrecido cavaleiro quem criou Artur. Somente Merlin, que conhecia o segredo de seu nascimento e o entregou a Ector, sabia que o garoto estava destinado a ser rei

(Dieter_G/Creative Commons)

Excalibur

A espada que Artur puxara da bigorna partiu-se em um duelo. A Dama do Lago deu-lhe Excalibur, lâmina indestrutível forjada pelos elfos. A bainha enfeitiçada impedia Artur de ser morto. Após a batalha de Camlan, sir Bedivere a atirou de volta para a Dama do Lago

A Espada Cravada

Quando Pendragon morreu, a anarquia tomou conta da nação. Certa manhã, surgiu uma bigorna com uma espada e a inscrição “Quem arrancar esta espada é por direito o rei da Inglaterra”. Muitos tentaram, mas apenas Artur conseguiu

Rei Artur

Artur foi coroado e unificou a Inglaterra ao expulsar invasores saxões e enfrentar 11 príncipes rebeldes. De seu sogro, Artur ganhou uma mesa, a Távola Redonda. Duas vezes por ano, os maiores guerreiros do reino se reuniam em volta dela, no castelo de Camelot, para contar suas aventuras

(duncan1890/iStock)

O Cálice Sagrado

O Santo Graal era o cálice da Última Ceia. Uma aparição revelou aos cavaleiros que o objeto estava escondido em algum lugar da nação. Começou assim a busca pelo Graal — aventura na qual muitos perderam a vida

Continua após a publicidade

Sir Mordred

Traiçoeiro e ambicioso, era sobrinho de Artur. Quando Artur partiu em perseguição a Lancelot, Mordred aproveitou e tomou o trono

O Poderoso Merlin

Filho do demônio com uma mortal, Merlin herdou a esperteza do pai, mas não sua malignidade. Foi conselheiro de Artur. Apaixonou-se por Viviane, a Dama do Lago, que o aprisionou numa caverna enfeitiçada até a morte

(Frederick Sandys/Creative Commons)

Morgana e Morgause

Meio-irmãs de Artur, eram filhas de Igraine e Gorlois. Morgana era uma feiticeira que detestava Artur. Roubou a bainha de Excalibur, permitindo que ele fosse ferido e morto. Morgause casou-se com um rei e foi morta pelo filho Gaheris

Sir Tristão

Apaixonou-se pela deslumbrante Isolda, esposa de seu tio, o rei Marcos da Cornualha. Perseguido pelo implacável tio, foi refugiar-se na corte do rei Artur. Ninguém na Inglaterra, exceto Lancelot, era capaz de derrotá-lo em combate

Sir Gaheris e Sir Gareth

Irmãos mais jovens de Gawain, Artur encarregou-os de levar Guinevere à fogueira. Lancelot resgatou a rainha e, cego de raiva, matou os dois. Gawain o perseguiu e foi fatalmente ferido, mas perdoou Lancelot antes de morrer

Continua após a publicidade
(Howard Pyle/Creative Commons)

Sir Kay

Filho de Ector e irmão de criação de Artur, era mal-humorado e um grande encrenqueiro. No entanto, manteve-se fiel ao rei até o último momento

Sir Galahad, Sir Percival e Sir Bors

Filho bastardo de Lancelot, Galahad era o cavaleiro mais puro e gentil. Partiu em busca do Santo Graal, acompanhado por Percival e Bors. Os três encontraram o cálice no interior de um navio abandonado. Cumprida a missão, Galahad pediu a Deus que levasse sua alma — e o desejo foi atendido. Percival passou o resto dos dias como eremita. Bors regressou a Camelot para contar a história

Avalon

Após Camlan, um grupo de donzelas levou Artur à ilha de Avalon. Alguns dizem que lá suas feridas foram curadas; outros, que Artur está enterrado, mas que um dia voltará para governar a Inglaterra mais uma vez…

(Arthur Rackham/Creative Commons)

A Batalha de Camlan

Artur enfrentou Mordred na sangrenta batalha de Camlan. O rei atravessou o sobrinho usurpador com uma lança, mas levou um golpe fatal na cabeça

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.